Publicidade

A era Roman Abramovich se aproxima do fim no Chelsea. O bilionário russo colocou o clube inglês à venda. Ele está pressionado na Inglaterra por ter proximidade com o governo da Rússia de Vladimir Putin, em guerra com a Ucrânia. Abramovich comprou o Chelsea e não demorou a ser campeão. O MQJ Memória relembra o primeiro título de Premier League sob administração dele, na temporada 2004/2005.

Quando chegou ao Chelsea, em 2003, o clube vivia um longo jejum de títulos de Premier League. Naquele momento, o time tinha apenas uma taça do Campeonato Inglês, conquistada na temporada 1954/1955.

Galeria de Fotos

A estratégia de Abramovich foi “simples”: ser protagonista no mercado da bola e abrir os cofres por reforços. Assim, rapidamente, mudou o Chelsea de patamar na Inglaterra e na Europa.

Relacionadas

Beckham PSG
Ronaldinho Barcelona 2003

Publicidade

Na temporada 2003/2004, por exemplo, Abramovich contratou jogadores como Hernán Crespo, Verón, Makélélé, entre outros. Ao todo, investiu 170 milhões de euros (R$ 941,9 milhões, na cotação atual). O Chelsea foi vice-campeão da Premier League, 11 pontos atrás do Arsenal.

MQJ Memória lembra a 1ª Premier League de Abramovich no Chelsea

O valor de investimento foi parecido para a temporada seguinte: 166,4 milhões de euros (R$ 921,9 milhões, na cotação atual) em contratações. O Chelsea se reforçou com nomes como Petr Cech, Robben, Ricardo Carvalho e Drogba, entre outros. Para o cargo de técnico, o português José Mourinho foi o escolhido.

Mourinho Chelsea 2004 MQJ Memória Mourinho na chegada ao Chelsea, em 2004 | Foto: Ben Radford/Getty Images

O Chelsea sobrou na Premier League de 2004/2005 e acabou com jejum que durava 50 anos. O clube inglês foi campeão com 12 pontos de vantagem sobre o Arsenal, com uma campanha de 29 vitórias, oito empates e apenas uma derrota. Foram 72 gols marcados e apenas 15 sofridos.

Publicidade

MQJ Memória: o sufoco do Brasil nas Eliminatórias para Copa de 2002

Mourinho contou com um elenco recheado de bons nomes. Petr Cech, William Gallas, Ricardo Ferreira, John Terry, Ricardo Carvalho, Wayne Bridge, Makélélé, Frank Lampard, Tiago, Joe Cole, Damien Duff, Robben, Gudjohnsen, Kezman e Droga eram os principais jogadores do Chelsea.

MQJ Memória: a época em que Coutinho foi o ‘mágico’ do Liverpool

Publicidade

O Chelsea largou na Premier League com vitória sobre o Manchester United de Sir Alex Ferguson. Em Stamford Bridge, Gudjohnsen fez o gol do triunfo por 1 a 0. O time de Mourinho emplacou mais três vitórias seguidas.

MQJ Memória relembra o sucesso do Manchester United com Alex Ferguson

Depois de dois empates seguidos, com Aston Villa e Tottenham, o Chelsea bateu o Middlesbrough e o Liverpool. A sequência de oito jogos de invencibilidade (seis vitórias e dois empates) foi quebrada no duelo com Manchester City, pela nona rodada da Premier League. No Etihad Stadium, o City venceu por 1 a 0, gol de pênalti de Anelka.

Chelsea sobrou na Premier League

Publicidade

A derrota para o City se tornaria a única do Chelsea naquela edição da Premier League. O time, então, engatou uma série de 29 jogos sem perder até o fim do torneio. Nesta sequência, algumas vitórias foram especiais, como as sete goleadas neste período.

MQJ Memória: os vexames recentes do Barcelona na Champions League

O título da Premier League foi conquistado no fim de abril, na 35ª rodada. Fora de casa, o Chelsea fez 2 a 0 no Bolton, com dois gols de Frank Lampard, e se sagrou campeão do torneio inglês.

Chelsea Premier League 2005 A festa do Chelsea pela conquista da Premier League | Foto: ODD ANDERSEN/AFP via Getty Images

Publicidade

A escalação de José Mourinho foi a seguinte: Petr Cech; William Gallas, Ricardo Carvalho, John Terry e Jarosik; Makélélé, Tiago, Geremi e Frank Lampard; Gudjohnsen e Didier Drogba. Robert Huth, Joe Cole e Smertin entraram no segundo tempo.

Lampard Chelsea 2004 MQJ Memória Lampard: destaque do título do Chelsea | Foto: Shaun Botterill/Getty Images

Com o título garantido, o Chelsea ainda fez a “dobradinha” para cima do Manchester United. No Old Trafford, de virada, o time de Mourinho fez 3 a 1. Ruud van Nistelrooy colocou o United na frente. Tiago empatou, Gudjohnsen fez 2 a 1 e Joe Cole fechou o placar.

A grana de Abramovich fez o Chelsea empilhar títulos. O clube conquistou a Premier League cinco vezes, a Champions League duas vezes, a Liga Europa duas vezes, um Mundial de Clubes, a Copa da Inglaterra cinco vezes, Copa da Liga Inglesa três vezes, a Supercopa da Inglaterra duas vezes e a Supercopa da Europa uma vez.

Comentários