Publicidade

O clima azedou entre as jogadoras da seleção feminina de futebol da Colômbia e a Adidas, fornecedora de material esportivo da equipe. Enquanto a empresa alemã utilizou o craque James Rodrigues para apresentar a nova camisa oficial da seleção colombiana, a escolhida para mostrar ao público o uniforme feminino foi a Miss Universo de 2014, Paulina Viega Dieppa, e não uma atleta do time.

Paulina Viega Dieppa - camisa seleção colombiana

A goleira Vanessa Córdoba, jogadora da seleção e filha do famoso goleiro colombiano Óscar Córdoba, recorreu as redes sociais para mostrar sua insatisfação com a escolha da Adidas.

Publicidade

“Até o momento não vi nenhuma jogadora da seleção colombiana mostrando a nova camisa da Adidas. Vocês viram?”, escreveu Córdoba em seu perfil no Twitter.

Em outras postagens na rede social, a goleira explicou melhor seu posicionamento.

“Não tenho nada contra a Adidas e sei que o futebol pertence a todo mundo. Agradeço que eles tenham dado a camisa a uma mulher bem sucedida e influente, no entanto, por respeito e mérito, uma das jogadoras devia receber primeiro. Tudo bem que utilizem celebridades para ajudar a promover o futebol, apenas não concordo que Paulina Vega vista a camisa antes de Catalina Usme, por exemplo”, disse.

Pedido de desculpas apagado

Publicidade

A reclamação parecia ter surtido efeito e o perfil da seleção colombiana postou em seu perfil no Twitter um pedido de desculpas, porém, a mensagem foi apagada horas mais tarde.

Camisa da seleção colombiana