Publicidade

Amigo e companheiro de Zidane na seleção da França, Emmanuel Petit revelou que Zizou está ‘aprendendo inglês’, colocando lenha na fogueira a respeito de um possível trabalho à frente do Manchester United. O técnico francês se tornou um dos favoritos para substituir Ole Gunnar Solskjaer à frente do time inglês.

Seleção da França na Copa de 2002, com Emmanuel Petit, o cabeludo segundo da esquerda para a direita. Do outro lado, de pé, na direita extrema, o futuro careca Zidane - Foto: Tim De Waele/Getty Images Seleção da França na Copa de 2002, com Emmanuel Petit, o cabeludo segundo da esquerda para a direita. Do outro lado, de pé, na direita extrema, o futuro careca Zidane – Foto: Tim De Waele/Getty Images

No entanto, as aparências podem enganar. Petit disse que o ex-técnico do Real Madrid está aprendendo inglês para ajudar em sua “carreira”, mas insiste que não é devido a uma ligação com o Manchester United.

Relacionadas

Jorge Salgado Vasco
Xavi Seleção Brasileira
Ibrahimovic Milan

Aliás, Petit já atuou no futebol inglês. Ex-meio-campista do Arsenal, ele ‘não acredita’ que Zidane vai ingressar no Manchester United. De acordo com Petir, Zidane “não tem nenhuma conexão” com a Premier League. Assim, seria improvável que ele fizesse a mudança para a Inglaterra.

Leia também

Publicidade

Barcelona de olho em centroavante brasileiro para o lugar de Agüero

Solskjaer chama pesos-pesados para superar crise no Manchester United

PSG entra em ação por jovem craque cobiçado no mercado da bola

Publicidade

Em declarações ao bookmakers.co.uk, Petit disse:

‘A comunicação é muito importante. Assim, se não fala a língua quando chega a um clube como o Manchester United, isso pode ser um grande problema. Disseram-me que ele vem estudando inglês. A acho Zidane sabe que é importante para sua carreira, mas não acredito que ele esteja fazendo isso por alguma ligação com o Manchester United”.

“Claro, ele é um grande nome, mas nunca jogou na Premier League e tem muito pouca ligação com ela, então, como eu disse, não acredito”, completou Petit.

Comentários