Publicidade

O técnico Pep Guardiola segue de olho em atacantes para reforçar o Manchester City na próxima temporada. Com Erling Haaland bem encaminhado, o treinador pediu ao clube inglês que volte as suas baterias para o poretuguês Rafael Leão. O jogador tem os direitos federativos ligados ao Milan.

Rafael Leão festeja gol e recorde ao mesmo tempo Rafael Leão festeja gol pelo Milan – Foto: Alessandro Sabattini/Getty Images

Rafael Leão vem atravessando um grande momento no Milan. Subiu de produção na temporada e tem 12 gols em 36 partidas. Além disso, com apenas 22 anos, pode se valorizar ainda mais no mercado da bola.

A notícia do interesse de Guardiola por Rafael Leão surgiu na imprensa italiana. Mas para contar com o jogador o clube inglês teria que pagar 70 milhões de euros (mais de R$ 400 milhões). Alédm disso convencer os milaneses, que apresentaram ao português uma proposta de renovação de contrato até 2026, incluindo um gordo reajuste salarial.

Relacionadas

Haaland
Cristiano Ronaldo Manchester United
Gavi Barcelona
Sterling Manchester City

Publicidade

Um fator que pode facilitar o negócio é o interesse do Milan em um atacante do City: Raheem Sterling. Com a perspectiva de mudar de dono, o Milan deve atacar o mercado da bola com força. Assim neste cenário, surge o nome de Sterling, atacante inglês de 27 anos. O contexto pode ajudar o Milan. Sterling tem contrato até 2023. Sendo assim, o Manchester City fica pressionado, o que abre perspectiva para uma possível venda na próxima janela. Ou até mesmo uma troca de atacantes. Na atual temporada, Sterling tem 14 gols e seis assistências em 40 jogos. As conversas entre os dois clubes podem se intensificar muito nos próximos meses.

 

Comentários