Publicidade

A Copa do Mundo se aproxima e a briga por vagas para ser chamado para o torneio vai afunilando. Tite convocou a Seleção Brasileira para as duas últimas rodadas das Eliminatórias. Ele faz questão de estimular a concorrência.

Havia expectativa de que ele pudesse convocar Pedro, do Flamengo, e Raphael Veiga, do Palmeiras. Entretanto, a principal novidade ficou por conta de Gabriel Martinelli, do Arsenal. A briga está em aberto.

Tite Seleção Brasileira Tite aponta o caminho para a Seleção Brasileira | Foto: Imago Images

– Um dos aprendizados que o tempo tem me dado como técnico é não fechar possibilidades reais, que elas acontecem. Têm atletas de alto nível que vão se afirmando, se consolidando e evoluindo ao longo do tempo – declarou Tite.

Relacionadas

Tite
Tite

Publicidade

– Nós, responsáveis por esse comando, temos de deixar aberto, se não fica um pré-conceito, e eu luto contra o pré-conceito, contra a ignorância, então é procurar evoluir de algum aspecto, estudar. Cobro esse tipo de comportamento conosco, é a índole dessa comissão técnica ter esse melhor acompanhamento. Um dirigente surpreendeu, fez uma confissão para o Juninho: ‘Pô, vocês querem saber de tudo sobre o cara?’. Sim, queremos saber tudo, é a nossa função. Em termos médicos e clínicos, táticos e técnicos, da função que ele pode exercer – acrescentou.

O Brasil vai enfrentar o Chile, no dia 24, no Maracanã, e a Bolívia, no dia 29, em La Paz, pelas duas últimas rodadas das Eliminatórias. Entretanto, a Seleção tem outro compromisso pelo torneio. A Fifa decidiu que o duelo com a Argentina, aquele da polêmica e que a Anvisa entrou em campo, seja disputado. A data ainda não foi definida.

Comentários