Publicidade

O futebol está de luto. O ex-volante colombiano Freddy Rincón faleceu, aos 55 anos, no fim da noite desta quarta-feira, em Cali. Ele estava internado em uma clínica depois de um acidente de carro.

– A Clínica Imbanaco, com prévia autorização e em companhia dos familiares, se permite informar à opinião pública que, apesar de todos os esforços realizados por nosso corpo médico e assistencial, o paciente Freddy Eusebio Rincón Valencia faleceu no dia de hoje 13 de abril de 2022. Lamentamos profundamente este sensível acontecimento, enquanto estendemos nossas mais profundas condolências à família, amigos, parentes e seguidores. Jamais haverá forma de expressar o que isto significa realmente para nós. Convidamos a todo o país a recordá-lo com alegria por tudo o que nos brindou em vida com suas conquistas desportivas.

Rincón Rincón fez história no futebol brasileiro | Foto: Shaun Botterill /Allsport

Na madrugada da última segunda-feira, Rincón sofreu um acidente, no qual seu carro foi atingido por um ônibus. O ex-jogador teve traumatismo craniano. Apesar dos esforços – chegou a ser operado -, não resistiu.

Relacionadas

Mbappé PSG
Mikel Merino

Publicidade

Rincón foi um dos principais jogadores da Colômbia de sua geração – disputou três Copas do Mundo.

Manchester United irrita elenco com oferta de renovação para Pogba

O volante fez sucesso no futebol brasileiro. O primeiro clube de Rincón no País foi o Palmeiras, em 1994. O bom desempenho o levou ao Napoli, da Itália, e depois ao Real Madrid.

Publicidade

Com Barcelona de olho, Lewandowski não facilita a vida do Bayern

Rincón voltou para o Palmeiras em 1996. No ano seguinte, foi para o Corinthians, pelo qual se tornou ídolo. Ele ainda defendeu o Santos e o Cruzeiro e teve um retorno ao Timão.

Comentários