Futebol Internacional

Espanha na Copa-2010: saiba como estão os campeões dez anos depois

Espanha foi campeã em 2010 com futebol alegre (Foto: Fifa)

A Espanha comemora neste sábado 10 anos do título mundial único de sua história. No dia 11 de julho de 2010 a Fúria foi a campo para duelar com a Holanda na finalíssima. Os espanhóis, em uma final disputada e até violenta, ganharam por 1 a 0. Iniesta fez o único gol do duelo, já na prorrogação. Mas dez anos depois como estão os atletas que participaram da final? Alguns deles até seguem em atividade e em bom nível.

Espanha foi campeã em 2010 com futebol alegre (Foto: Fifa)

Barcelona e Real Madrid, que foram a base daquele caneco, seguem tendo alguns atletas. Sergio Ramos, por exemplo, continua liderando a defesa merengue. Do lado do Barça, a zaga ainda tem Piqué.

Leia também:

Há 10 anos! Relembre como estão os jogadores que marcaram a Copa de 2010
A partir de agora tudo é novo para o Leipzig na Champions
Cristiano Ronaldo na rota do Real Madrid na Champions

O MAIS QUE UM JOGO mostra como estão os campeões dez anos depois:

Iker Casillas

Casillas comemora o título espanhol (Foto: Fifa)

Após sofrer um infarto Casillas esboçou o fim de sua carreira. Vinha jogando pelo Porto. Vem estudando gestão e pretende concorrer à presidência da Real Federação Espanhola de Futebol.

Sergio Ramos

Zagueiro Sergio Ramos, do Real Madrid e da seleção espanhola (Foto: Instagram)

Sergio Ramos fez uma grande Copa (Foto: Fifa)

A vida de Sergio Ramos segue a mesma. Continua como referência no setor defensivo do Real Madrid.

Gerard Piqué

Sergio Ramos e Piqué: mesma posição em campo, mas separados por ideologia (Foto: Reprodução)

Sergio Ramos e Piqué: defesa sólida (Foto: Reprodução)

A exemplo de Sergio Ramos, Gerard Piqué segue no mesmo clube que estava em 2010. Mas no rival do Real Madrid: o Barcelona.

Carles Puyol

Puyol sobe para fazer o gol diante da Alemanha (Foto: Getty)

Puyol jogou a vida toda no Barcelona e se aposentou em 2014. Ainda permaneceu no clube como auxiliar até 2015. Atualmente diz se dedicar aos familiares e brinca quando fala de futebol: “não me recordo o que seja isso”.

Joan Capdevila

Capdevila cuidou da lateral (Foto: Fifa)

Capdevilla se aposentou em 2017. Atualmente ocupa cargo de gestão no Espanyol de Barcelona.

Xabi Alonso

Xabi Alonso parou Robben (Foto: Getty)

Na época no Real Madrid, Xabi Alonso só trocou de clube em 2014, quando foi para o Bayern de Munique, onde se aposentou em 2017. Atualmente é treinador de futebol e dirige o time B da Real Sociedad.

Sergio Busquets

Busquets era qualidade no meio da Espanha (Foto: Fifa)

Até hoje Sergio Busquets defende o Barcelona, clube em que já atuava em 2010.

Andrés Iniesta

Iniesta chuta para fazer o gol do título (Foto: Getty)

Atualmente jogando no Vissel Kobe, do Japão, Iniesta caminha para a sua aposentadoria. Fez a sua carreira no Barcelona.

Xavi

Xavi era qualidade no meio-de-campo da Espanha (Foto: Fifa)

Tendo feito a sua carreira no Barcelona, Xavi se aposentou e virou treinador. Atualmente dirige o Al-Sadd do Catar.

Pedro Rodríguez

Pedro comemora com Sergio Ramos (Foto: Getty)

O atacante Pedro permaneceu até 2015 no Barcelona e depois se transferiu para o Chelsea, seu atual clube.

David Villa

Villa fez gols importantes na Espanha (Foto: Getty)

O atacante David Villa encerrou carreira em janeiro, defendendo o Vissel Kobe, do Japão. Atualmente estuda alternativas para a sequência de sua vida profissional.

Cesc Fàbregas

Cesc Fabregas tentando vencer a defesa holandesa (Fotoa Getty Images)

Fábregas entrou no decorrer da final. Atualmente, aos 33 anos, segue emprestando seu talento ao meio-de-campo do Monaco da França.

Jesús Navas

Navas entrou em campo no decorrer da final (Foto: Getty)

Navas é outro que entrou no decorrer do jogo. Defende o Sevilla, clube que já atuava em 2010. Entretanto, entre 2013 e 2017 jogou no Manchester City.

Fernando Torres

Torres em ação contra a Holanda (Foto: Getty)

O outro reserva a entrar no jogo, Fernando Torres encerrou carreira no ano passado defendendo o Sagan Tosu do Japão. Ele ainda estuda a sequência de sua vida profissional.

Vicente del Bosque

Del Bosque liderou a Espanha em 2010 (Foto: Getty)

Del Bosque se aposentou em 2016 na seleção espanhola. Atualmente é comentarista esportivo na Espanha e embaixador da Real Federação Espanhola.

Você Também pode gostar