Simeone desbanca Guardiola e Klopp e é eleito o melhor técnico da década

publicado em 12/01/2021 às 17:07

Diego Simeone desbancou nomes como Pep Guardiola, José Mourinho, Zidane, Jürgen Klopp, e tantos outros, e foi eleito o melhor técnico da década (2011 a 2020), pela Federação Internacional de História e Estatísticas do Futebol (IFFHS).

Simeone, Atlético de Madrid

Simeone tenta desbancar Real e Barcelona | Foto: Atlético de Madrid / Divulgação

A entidade definiu critérios e pontuou o desempenho de cada técnico ano a ano. Desta forma, o melhor recebia 20 pontos, enquanto o segundo ganhava 19 e o terceiro 18, sempre diminuindo um ponto até o 20º colocado.

LEIA MAIS! Mbappé deve perder espaço no PSG de Pochettino e saída ganha força

Para a IFFHS, Simeone, do Atlético de Madrid, foi o melhor técnico da década, com 152 pontos. Pep Guardiola, atualmente no Manchester City, ficou em segundo lugar, com 144 pontos. Klopp, do Liverpool, fecha o pódio, com 105 pontos.

LEIA MAIS! Manchester United define preço de Pogba: Pochettino quer o volante no PSG

“Sua regularidade e seu poder fizeram a diferença para vencer o prêmio”, declarou a IFFHS, sobre a conquista de Simeone, que está no Atlético de Madrid desde a temporada 2011/2012 e conquistou sete títulos, sendo o Campeonato Espanhol de 2013/2014 e duas Ligas Europa os principais.

LEIA MAIS! Eto’o aponta o jovem Ansu Fati como substituto de Messi no Barcelona

Técnico do River Plate, o argentino Marcelo Gallardo fecha o Top 10, empatado com Mauricio Pochettino. É o único técnico fora da Europa entre os dez primeiros colocados.

Os melhores técnicos da década, segundo a IFFHS

1º – Diego Simeone – 152 pontos
2º – Pep Guardiola – 144 pontos
3º – Jürgen Klopp – 105 pontos
4º – José Mourinho – 91 pontos
5º – Massimiliano Allegri – 77 pontos
6º – Unai Emery – 70 pontos
7º – Zinedine Zidane – 59 pontos
8º – Carlo Ancelotti – 57 pontos
9º – Mauricio Pochettino – 56 pontos
10º – Marcelo Gallardo – 56 pontos

Deixe seu comentário:

Comentário