Publicidade

Após vencer por 3 a 1 em Portugal o Liverpool deu um passo importante para estar nas semifinais da Champions League. Mas é preciso confirmar o favoritismo nesta quarta-feira, quando recebe o Benfica em Anfield, na Inglaterra, às 16h(de Brasília), pela rodada de volta das quartas de final.

Salah Salah quer levar Liverpool ao triunfo. Mas vai ter trabalho | Foto: Bryn Lennon/Getty Images

Com o placar da ida os ingleses avançam até mesmo se perderem por um gol de diferença. Aos portugueses resta devolver um triunfo por dois gols de vantagem para forçar pelo menos a prorrogação. Vale lembrar que os gols anotados como visitante não valem para critério de desempate.

Relacionadas

MANCHESTER, ENGLAND - NOVEMBER 08: Mohamed Salah of Liverpool holds off Ruben Dias of Manchester City during the Premier League match between Manchester City and Liverpool at Etihad Stadium on November 08, 2020 in Manchester, England. Sporting stadiums around the UK remain under strict restrictions due to the Coronavirus Pandemic as Government social distancing laws prohibit fans inside venues resulting in games being played behind closed doors. (Photo by Clive Brunskill/Getty Images)
Erik ten Hag
Toni Kroos

Apesar da vantagem, o técnico Jurgen Klopp pregou foco e lembrou que o Liverpool quase se complicou nas oitavas de final quando estava em situação semelhante.

Publicidade

– Este é um jogo super importante para nós. Tentamos muito no ano passado para nos classificar e agora podemos chegar às semifinais, o que é incrível. Isso significa muito para nós. Está 3 a 1 ao intervalo. É tão complicado como 2 a 0. Uma boa vantagem, mas se eles marcam um, como sentimos contra o Inter, o jogo muda. Sentimos isso quando eles marcaram. Nós realmente precisamos fazê-los sentir que este é um lugar que eles não querem ir – disse.

Benfica sabe do drama. Mas tem esperança

Do outro lado, o Benfica o sentimento é de esperança. O técnico Nelson Veríssimo destacou que os portugueses precisam abrir o placar para pressionar o Liverpool.

– Entramos neste jogo com ambição e acreditando no trabalho que estamos fazendo. Sabemos que temos um déficit de dois gols, mas as coisas podem mudar se você marcar, e se marcarmos primeiro podemos mudar o rumo do jogo. Estamos enfrentando um dos melhores times do mundo. Teremos que ser eficazes e consistentes no ataque e levar em consideração a estratégia do Liverpool – declarou.

Comentários