Publicidade

A seleção italiana está fora da Copa do Mundo de 2022. O vexame diante da Macedônia do Norte ainda está doendo nos corações dos fãns da Azzurra. Mas a Itália já planeja a sua reconstrução e ela passa pela permanência do técnico Roberto Mancini. Mas alguns nomes pode pagar um preço alto. Casos do volante brasileiro naturalizado italiano Jorginho e do atacante Ciro Immobile.

Immobile Immobile não acredita na eliminação da Itália | Foto: ALBERTO PIZZOLI/AFP via Getty Images

A imprensa italiana trata a permanência de Roberto Mancini como certo. Ele vem mantendo contatos diários com Gabriele Gravina, presidente da Federação Italiana de Futebol, para tratar dos próximos passos. Segundo emissoras de rádio da Itália o dirigente e o treinador estão convencidos de que é preciso fazer uma reformulação no elenco, aproveitando jovens que estão surgindo no Calcio.

Assim uma das ideias é deixar de lado alguns veteranos. Jorginho, de 30 anos, e Immobile, de 32 anos, são vistos como nomes sem condições de chegarem ao Mundial de 2026. Além disso o zagueiro Leonardo Bonucci, de 34 anos, vai deixar a seleção por vontade própria.

Relacionadas

Verratti Itália
Cristiano Ronaldo Portugal Luxemburgo
Dybala
Jude Bellingham

Publicidade

Dentre os nomes que podem aparecer nas próximas convocações estão os do zagueiro Alessandro Bastoni, de 22 anos, destaque da Internazionale; os meias Sandro Tonali, de 22 anos, do Milan, e Manuel Locatelli, de 24 anos, da Juventus; e Gianluca Scamacca, atacante de 23 anos do Sassuolo.

A Itália já tem alguns compromissos no horizonte. Em junho disputará um amistoso com a Argentina. Depois vem a Liga das Nações da Uefa, onde enfrentará Alemanha, Hungria e Inglaterra. Além disso terá pela frente as Eliminatórias para a Eurocopa de 2024 e para a Copa do Mundo de 2026. Assim os próximos dias prometem.

Comentários