Publicidade

A nova era do Chelsea vai começar com uma fortuna para gastar no mercado da bola. Agora sob o comando do consórcio liderado por Todd Boehly, o clube inglês se prepara para buscar reforços de peso.

Boehly comprou o clube do russo Roman Abramovich e começa a colocar as cartas na mesa. Segundo “The Telegraph”, ele prometeu até seis contratações de impacto para o técnico Thomas Tuchel.

Sterling Manchester City Chelsea Sterling é apontado como prioridade do Chelsea | Foto: Matthias Hangst/Getty Images

O objetivo é fazer com que o Chelsea possa brigar com o Manchester City e o Liverpool na Premier League. Para isso, Thomas Tuchel vai ter à disposição 230 milhões de euros (R$ 1,2 bilhão) para investir no mercado da bola.

Relacionadas

Cristiano Ronaldo Manchester United
João Félix Atlético de Madrid
Suárez Atlético de Madrid

Publicidade

A lista de reforços, assim, tem nomes de peso, como os zagueiros de Ligt, da Juventus, Koundé, do Sevilla, o lateral-direito Jonathan Clauss, do Lens, e os atacantes Gabriel Jesus e Sterling, do Manchester City, Richarlison, do Everton, e Dembélé, do Barcelona.

Lewandowski muda de estratégia para trocar o Bayern pelo Barcelona

Até o momento, o Chelsea apenas se despediu de jogadores. Antonio Rüdiger e Andreas Christensen saíram do clube. Saúl Ñíguez, então emprestado, retorna para o Atlético de Madrid. Romelu Lukaku deve ser cedido para a Inter de Milão.

Comentários