Futebol Internacional

Alex Telles quer 4 milhões de euros para ficar no Porto

Alex Telles quer 4 milhões de euros para ficar no Porto (Foto: Porto)

O lateral-esquerdo Alex Telles está valorizado na janela de transferências internacionais. O jogador vem sendo especulado em alguns clubes, como Paris Saint-Germain e Manchester United. Mas até o momento nada de concreto chegou ao clube português, que abriu negociações para a renovação de contrato. Entretanto a pedida salarial do jogador assustou à diretoria. Alex Telles quer 4 milhões de euros para ficar no Porto. O valor seria anual. Pela cotação atual isso representa cerca de R$ 26 milhões.

Alex Telles na lista dos brasileiros que brilharam no Porto (Foto: Getty)

Aos 27 anos, Alex Telles é o jogador mais valorizado do Campeonato Português. Seu valor de mercado está avaliado em 40 milhões de euros (mais de R$ 260 milhões). Antes da pandemia a sua ida para o PSG era dada como certa. Mas o negócio acabou perdendo corpo com os estragos que o vírus gerou na economia.

Leia também

O anúncio oficial do acerto de Koeman com o Barcelona
Por Barcelona veloz, Koeman elege Vinícius Jr.

Os empresários de Alex Telles jogam pesado com o Porto pois entendem que o mercado só não está mais agitado porque alguns clubes ainda estão envolvidos na reta final da Champions League. Mas a estratégia é considerada exagerada pela imprensa portuguesa.

Ídolo, Alex Telles tem 189 jogos pelo Porto

Alex Telles quer 4 milhões de euros para ficar no Porto (Foto: Porto)

Alex Telles disputou as últimas cinco temporadas pelo Porto. Foram 189 partidas com 23 gols até o momento. Pelo Dragão conquistou por duas vezes o título do Campeonato Português, incluindo o da temporada encerrada no mês passado, uma Taça de Portugal e uma Supertaça de Portugal.

Revelado nas categorias de base do Juventude, Alex Telles chegou ao Grêmio em 2013. Valorizado, se transferiu em 2014 para o Galatasaray, onde permaneceu com vínculo por dois anos. Mas atuou uma temporada na Internazionale. O Porto investiu em seu futebol em 2016.

Você Também pode gostar

Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *