Publicidade

O Al-Sadd até pode perder o técnico Xavi Hernández, mas exige que o Barcelona se esforce para levar o espanhol. Segundo o “As”, o clube do Qatar quer a presença do presidente do Barça para discutir os termos da liberação.

O Barcelona já procurou o Al-Sadd para tratar o assunto. A resposta do clube, segundo o “As”, foi contundente. Caso o Barça queira sacramentar a negociação de forma amistosa, Joan Laporta, presidente espanhol, precisa ir a Doha.

Laporta Barcelona Laporta precisa ir a Doha buscar Xavi | Foto: Twitter Barcelona / Divulgação

O Al-Sadd não quer negociar com intermediários ou dirigentes “secundários”: exige o principal representante do Barcelona. Sendo assim, Laporta já busca encontrar uma brecha na agenda para viajar para Doha.

Relacionadas

Messi Barcelona
Vinicius Júnior Real Madrid
Sergio Ramos PSG

Publicidade

Xavi Hernández, ídolo do clube, é o principal cotado para substituir o demitido Ronald Koeman. Segundo a imprensa espanhola, já existe um acordo entre as partes. Falta a liberação junto ao Al-Sadd.

MAIS! Xavi recebe bênção de Guardiola: ‘Está preparado para treinar o Barcelona’

Enquanto a situação não se resolve, Xavi continua à frente do Al-Sadd e tem compromisso na quarta-feira. O Barcelona tem jogo decisivo pela frente. Nesta terça-feira, visita o Dínamo de Kiev, pela Champions League.

Comentários