Publicidade

Além do título do Flamengo a quinta-feira definiu os artilheiros do Brasileirão. Luciano, que fez um dos gols do triunfo de 2 a 1 do São Paulo sobre o campeão, e Claudinho, que anotou o único gol da vitória do Bragantino sobre o Grêmio, viraram artilheiros do Brasil pela primeira vez.

Com os gols anotados eles chegaram a 18 gols e se isolaram na liderança na última rodada.

LEIA MAIS! Estudo aponta Neymar entre os mais caros do mundo

Publicidade

Abaixo como terminou a disputa:

Luciano (18 gols)

Luciano decidiu várias vezes para o São Paulo (Foto: São Paulo/Divulgação)

O craque perdeu um pênalti contra o Botafogo e desperdiçou a chance de chegar em vantagem na última rodada, se redimiu contra o Flamengo.

LEIA MAIS! Lewa supera Raúl. Veja os artilheiros da Champions League

Claudinho (18 gols)

Claudinho é atração no Bragantino. Além disso virou artilheiro (Foto: Getty)

Publicidade

Destaque do Brasileirão, Claudinho terminou com 18 gols.

Thiago Galhardo (17 gols)

Thiago Galhardo começa no banco (Foto: Reprodução Twitter Internacional)

O atacante do Internacional não deve começar o jogo contra o Corinthians entre os titulares. Isso pode prejudicar o desempenho na luta pela artilharia.

Marinho (17 gols)

Marinho ficou fora da rodada final (Foto: Miguel Schincariol/Getty Images)

O atacante do Santos testou positivo para a Covid-19 e ficou de fora da rodada final.

Publicidade

 

Gabigol (14 gols)

Gabigol Flamengo x Bragantino

Atrás, Gabigol não reagiu (Foto: Alexandre Vidal / Flamengo / Divulgação)

Gabigol foi artilheiro nas duas últimas edições. Em 2019 pelo Flamengo e em 2018 pelo Santos.