Publicidade

Com a experiência de quem conhece o elenco como a própria mão, Marcão assumiu o comando do Fluminense com a esperança da torcida. E ele disse já saber o que esperar do time no segundo semestre. O treinador ainda tem pela frente a sequência do Campeonato Brasileiro e a Copa do Brasil.

Marcão assumiu o comando do time nos dois últimos Campeonatos Brasileiros, após as saídas de Fernando Diniz e Odair Hellmann. Agora novamente a cena se repetiu após a demissão de Roger Machado.

Marcão Fluminense Marcão elogia o elenco tricolor (Foto: Mailson Santana / Fluminense / Divulgação)

A sequência de maus resultados e a eliminação na Copa Libertadores foram a gota d’água para a trajetória do técnico no Tricolor. Roger assumiu no início do ano e nunca caiu nas graças da torcida apesar de chegar às quartas da competição continental e da Copa do Brasil.

Publicidade

MAIS! Saiba como Marcão pode mudar o Fluminense

Embora com um elenco limitado, Marcão conduziu o time a uma vaga na Libertadores no último Brasileiro. Em março, era cotado para ser efetivado, mas a diretoria optou por Roger Machado.

Marcão, entretanto, seguiu aguardando uma nova chance e agora projeta a reação do Flu na temporada.

Publicidade

— Sempre com uma responsabilidade muito grande, mas um prazer muito grande de contribuir mais uma vez com a nossa instituição e fazer junto aos nossos guerreiros mais um segundo semestre maravilhoso, com muita resposta positiva. Esperamos contribuir com o máximo que puder para retomar o caminho das vitórias e colocar o Fluminense no lugar que ele merece – afirmou o novo treinador à Flu TV.

União é a arma de Marcão

Marcão Fluminense Marcão mostra confiança no Fluminense (Foto: Mailson Santana / Fluminense)

Em suas primeira palavras como novo treinador, Marcão elogiou o elenco e pregou a união de todos.

— É importante a gente saber que tem um grupo bem forte, sobretudo com a ajuda daqueles que chegaram. Temos de saber colocar todos os meninos no momento certo para que eles também possam contribuir, para realmente ficarmos mais fortes e formarmos uma unidade, uma família, com compreensão, ajuda e responsabilidade para a gente voltar a ficar muito forte.

Relacionadas

Fred Fluminense
Caio Paulista Fluminense 220821

Publicidade

O trabalho de Roger começará com uma sequência de jogos contra o Atlético-MG, atual líder do Campeonato Brasileiro. O primeiro será na noite desta segunda-feira, mas na quinta as duas equipes voltam a se enfrentar pela Copa do Brasil.

Comentários