Flamengo

São 12, mas não são apóstolos! Confira atos marcantes de Jesus no Flamengo

Jorge Jesus teve Gabigol como um dos seus destaques (Foto: CBF)

A passagem de Jorge Jesus pelo Flamengo está chegando ao fim. O treinador vai dirigir o Benfica pouco mais de um ano depois de ter sido apresentado pelo Rubro-Negro. Apesar de ter sido apenas uma temporada, ela foi marcante. O MAIS QUE UM JOGO separou 12 atos marcantes de Jesus no Flamengo.

A maioria desses atos é positiva, englobando conquistas de títulos. O Flamengo, por exemplo, ergueu a Copa Libertadores 38 anos depois da sua única conquista na competição. Também ganhou o Brasileirão.

Leia também:

Fim do ciclo! Jesus acerta com o Benfica
Sampaoli, Carvalhal, Ramirez: Flamengo estudou nomes para substituir Jesus
Lesão de Filipe Luís liga sinal de alerta no Flamengo

Mas nem tudo são flores. Também existiram polêmicas. Vamos recordar:

12 atos marcantes de Jesus no Flamengo

A chegada

Jesus chega falando em ganhar tudo (Foto: Divulgação)

Jorge Jesus foi anunciado oficialmente pelo Flamengo em 1 de junho. Na sua chegada fez uma previsão de que o clube ganharia tudo.

– Tenho muita honra por ter sido convidado para comandar este grande clube. É importante o interesse que essa decisão está a despertar em Portugal. Quero apresentar o trabalho no Flamengo. Meu passado como treinador está escrito, está feito. Sou o treinador em Portugal que mais títulos ganhou e quero mostrar no maior clube do Brasil o meu trabalho. Vamos esperar o que tenho feito sempre. Onde chego, apresento trabalho, revolucionar do ponto de vista de ter ideias diferentes. Mas não venho revolucionar nada. Vou apresentar meu trabalho que foi visto em duas das três maiores equipes de Portugal nos últimos 10 anos. Quando cheguei ao Benfica, há tempo não ganhava nada e agora tem a hegemonia no país. É o que vim fazer no Flamengo – disse Jesus.

A estreia

Jesus estreou diante do Furacão (Foto: CBF)

A estreia de Jorge Jesus no comando do Flamengo foi em 10 de julho, contra o Athletico Paranaense pela Copa do Brasil. O Rubro-Negro carioca teve atuação discreta no empate por 1 a 1. O intervalo entre a apresentação do técnico e sua estreia foi causado pela paralisação dos campeonatos de clubes por conta da Copa América, disputada no Brasil.

O encontro com o Maracanã

Flamengo goleia o Goiás no Maracanã (Foto: CBF)

No dia 14 de julho Jorge Jesus comandava o Flamengo pela primeira vez no Maracanã. O Rubro-Negro deu um show contra o Goiás pelo Campeonato Brasileiro, goleando por 6 a 1. Um sinal do que estava por vir.

A primeira decepção

Jogadores do Furacão provocam Flamengo com gesto de cheirinho (Foto: CBF)

Na primeira decepção de Jorge Jesus à frente do Flamengo, o time foi eliminado pelo Athletico Paranaense, no Maracanã, pela Copa do Brasil de 2019. Foi no dia 18 de julho, quando Jesus ainda estava no começo do trabalho no Flamengo. Mas foi uma decepção.

A polêmica com os brasileiros

Jorge Jesus criticou técnicos brasileiros (Foto: Divulgação)

Em 10 de setembro chega ao Brasil uma entrevista de Jorge Jesus em que ele disse que os técnicos brasileiros estavam superados. Além disso, disse que apostavam no talento dos atletas, ignorando a parte tática. Vários técnicos do país se manifestaram contra ele, como Muricy Ramalho e Cuca. O clima ficou hostil e o português acabou se retratando. Assim o português sentiu o gosto da polêmica brasileira.

A América aos pés de Jesus

Jesus comemora a conquista da Libertadores (Foto: Conmebol)

O Flamengo consegue uma virada histórica e derrota o River Plate por 2 a 1 na final da Copa Libertadores. Jorge Jesus é considerado o principal responsável pela conquista de uma taça que o Flamengo só tinha visto em 1981. Assim a América se viu aos pés do técnico.

Fim de semana de ouro

Jorge Jesus teve Gabigol como um dos seus destaques (Foto: CBF)

Um dia depois de ganhar a Copa Libertadores, o Flamengo conquista o Campeonato Brasileiro mesmo sem entrar em campo. Beneficiado pelo tropeço do Palmeiras, Jorge Jesus entra de vez para a história do clube. Entretanto a festa foi na quarta seguinte, no Maracanã, com uma goleada sobre o Ceará.

Faltou o Mundial

Firmino ajudou Liverpool a vencer o Flamengo (Foto: Fifa)

Jorge Jesus sonhava com a conquista do título pelo Flamengo. Mas o Mundial de Clubes não veio. Desgastado fisicamente, o Flamengo foi dominado pelo Liverpool e perdeu por 1 a 0. Entretanto jogou de igual para igual.

Supercampeão do Brasil

Flamengo campeão da Supercopa do Brasil (Foto: Alexandre Vidal/CRF)

No dia 16 de fevereiro, Jorge Jesus comanda o Flamengo na vitória de 3 a 0 sobre o Athletico Paranaense. O Flamengo ganhava a Supercopa do Brasil. Assim era mais um título para a lista de Jesus.

Mais um título para a coleção

Flamengo ganhou a Recopa (Foto: Conmebol)

Em 26 de fevereiro Jorge Jesus lidera o time na final da Recopa diante do Independiente del Valle. O Mengão dá mais uma volta olímpica.

O último título

Flamengo comemora o caneco, mas sob clima de tensão (Foto: Reprodução SBT)

Já em meio à polêmica de sua saída, Jorge Jesus vê o Flamengo bater o Fluminense no dia 15 de julho e conquistar o título carioca. Entretanto existia o clima de tensão pela saída do técnica. Mas a diretoria garantia a sua permanência.

A última ceia

Jesus encerra ciclo no Flamengo, mas com saldo positivo (Foto: Divulgação)

Dois dias depois o treinador comunica para a diretoria do Flamengo que vai romper o contrato, assinado dias antes, e se transferir para o Benfica. Assim chega ao fim o ciclo. Mas com saldo bem positivo de atos marcantes de Jesus no Flamengo.

Você Também pode gostar