Flamengo

O que esperar do Flamengo no Campeonato Brasileiro

Com a vitória sobre o Volta Redonda, o Flamengo está na final da Taça Rio - Alexandre Vidal:Flamengo
Com a vitória sobre o Volta Redonda, o Flamengo está na final da Taça Rio - Alexandre Vidal:Flamengo

Atual campeão nacional, o Flamengo entra na edição 2020 do Campeonato Brasileiro como franco favorito. Embora essa condição teórica não signifique muita coisa quando a bola rola, vale a pena analisar a situação do Mengão.

Desde o final de 2019 pra cá, o Rubro-Negro conquistou praticamente tudo que disputou. As exceções foram o Mundial de clubes e a Taça Rio, segundo turno do Campeonato Carioca. Enquanto na final do torneio da Fifa, o Fla perdeu por 1 a 0 diante do Liverpool, em jogo bastante disputado, a Taça Rio foi perdida nos pênaltis para o Fluminense.

As conquistas, entretanto, foram muitas e de peso. Além do Brasileirão, a equipe faturou a Libertadores, a Recopa Sul-Americana, a Supercopa do Brasil, a Taça Guanabara, primeiro turno do Carioca, e o título do Estadual.

A estreia do Flamengo no Brasileirão será no próximo domingo, contra o Atlético-MG, no Maracanã. O MAIS QUE UM JOGO destaca os pontos fortes e fracos e quem pode fazer a diferença no Rubro-Negro.

Leia também:

Em português, Domènec diz que quer ganhar e jogar bonito no Flamengo

De técnico novo, Flamengo voltará a tratar de renovações

PONTOS FORTES

1. Reforços em 2020

Thiago Maia, Pedro e Gustavo Henrique (Foto: Marcelo Cortes/CRF)

Mesmo com uma equipe vencedora, a diretoria do Flamengo foi ao mercado para reforçar o elenco no início do ano. Além de adquirir os direitos do artilheiro Gabigol, o clube investiu nos atacantes Pedro, Michael e Pedro Rocha. Thiago Maia chegou para reforçar o meio campo, e Léo Pereira e Gustavo Henrique para a zaga.

2. Elenco entrosado

Grupo entrosado (Foto: Alexandre Vidal/CRF)

O grupo titular campeão em 2019 perdeu apenas um jogador, o zagueiro Pablo Marí, negociado com o Arsenal, da Inglaterra. Assim, Léo Pereira é o único dentre os reforços que ganhou um lugar entre os 11 iniciais. Os outros dez jogadores são os mesmos desde o ano passado.

3. Mais tempo de treinamento

Elenco do Flamengo durante treino

Treino do Flamengo (Alexandre Vidal/CRF)

O Flamengo foi uma das primeiras equipes da Série A a retornar aos treinamentos após a paralisação da Covid-19. O grupo já tem 60 dias de treinos e jogos, o que é o dobro das equipes paulistas, por exemplo.

PONTOS FRACOS

1. Novo treinador

Domènec, Braz e Spindel (Reprodução Youtube)

A saída de Jorge Jesus do comando da equipe cria um grande ponto de interrogação no Flamengo. O ex-auxiliar de Guardiola Domènec Torrent assumiu uma semana antes da estreia e sua adaptação ao clube, ao elenco e ao futebol brasileiro ainda é uma incógnita. Se os resultados não vierem logo, as coisas podem desandar.

 

2. Time conhecido

Flamengo campeão brasileiro de 2019 (Divulgação/CRF)

Se por um lado estar entrosado é uma vantagem, o jogo do Flamengo já não é surpresa para ninguém. Muito pelo contrário, sua forma de jogar é bem conhecida e estudada por todos os adversários. Vencer o papão do Brasil no momento virou o foco dos treinadores.

3. Ausência da torcida

Torcida do Flamengo: "O Maraca é nosso!"

Torcida do Flamengo é quem avisa: “O Maraca é nosso!”

Como nenhuma outra equipe, o Flamengo é um time nacional e sempre contou com o apoio de sua imensa torcida. É o clube que mais levou torcedores aos estádios em 2019. Esse é um diferencial que o Rubro-Negro não vai ter nesses tempos de pandemia com jogos sem público.

QUEM PODE FAZER A DIFERENÇA

Michael (Foto: Alexandre Vidal/CRF)

Com a possibilidade de fazer cinco substituições nas partidas do Brasileiro, o banco terá maior importância em 2020. E nisso ninguém supera o Flamengo. Com o elenco mais caro do país, o Rubro-Negro, pode-se dizer, tem duas equipes de nível de Série A. E em especial, destacamos o atacante Michael, que pode ser a grande arma da equipe na campanha pelo octacampeonato.

Você Também pode gostar