Publicidade

O Botafogo busca soluções para enfrentar e superar a grave crise financeira que vive. O clube tenta viabilizar a criação da Botafogo S/A, projeto de clube-empresa. A iniciativa dependia da aprovação do Congresso Nacional e da sanção da lei pelo presidente Jair Bolsonaro.

Com a sanção definida por Jair Bolsonaro no último dia 6, uma comitiva do Botafogo esteve nesta quarta-feira em Brasília para agradecer pessoalmente ao mandatário do país.

Botafogo Bolsonaro Presidente do Botafogo, Durcesio Mello encontrou com Bolsonaro | Foto: Reprodução

Na cerimônia, o clube esteve representado por seu presidente Durcesio Mello, que entregou uma camisa branca e um quadro de Garrincha ao Presidente.

Relacionadas

Publicidade

– O Botafogo de Futebol e Regatas, na pessoa do maior ídolo da nossa história, Mané Garrincha, a alegria do povo, maior driblador do futebol brasileiro, vem homenagear e agradecer o Presidente do Brasil, e torcedor botafoguense, Jair Bolsonaro, por seu apoio incondicional ao marco legal do clube-empresa, sociedade anônima do futebol. A Estrela Solitária, sempre presente na história das glórias do futebol brasileiro, ressurgirá com mais luz e força, mantendo da paixão que arde em cada coração dos torcedores alvinegros. O Botafogo e o futebol brasileiro agradecem por esse legado – afirmou Durcesio Mello.

Joel Carli e Rafael Moura: Enderson quer lideranças no Botafogo

Bolsonaro agradeceu a homenagem.

Publicidade

– Estou muito honrado e feliz com esse momento, de poder ter colaborado com uma lei que vai ajudar a mexer com o futebol aqui no Brasil. O Botafogo é um time que está no coração de todos nós, em especial dos mais idosos, que acompanharam aqueles bons tempos do nosso Botafogo que fornecia craques para a Seleção – disse o Presidente.

O Botafogo completou 117 anos de fundação nesta quinta-feira e trabalha para resgatar seus tempos de glória. Rebaixado à Segunda Divisão do Campeonato Brasileiro, o time luta para retornar à elite em 2022.

Comentários