Publicidade

O Vasco trabalha para resolver as situações dos atletas que têm contrato até 31 de dezembro. O Gigante da Colina confirmou, nesta quarta-feira, as renovações do zagueiro Marcelo Alves e do atacante Ygor Catatau, que pertencem ao Madureira.

Catatau Vasco Ygor Catatau amplia vínculo com Vasco | Foto: Rafael Ribeiro / Vasco / Divulgação

Mas esses devem ser os únicos a permanecer em São Januário até o fim do Campeonato Brasileiro, já que os demais atletas na mesma situação não devem continuar.

LEIA MAIS! Empresário já considera Benítez fora do Vasco. Galo de olho

Publicidade

O primeiro a deixar o clube foi o lateral Alexandre Melo, que acertou com o Cuiabá-MT, há duas semanas. Também certos de sair são o zagueiro Breno e o lateral Ramon, dupla que não atua desde 2018 por conta de graves lesões. O atacante Ribamar, cujo empréstimo junto ao Pyramids chegará ao fim após dois anos, entrou em acordo com a diretoria e não vestirá mais a camisa do Vasco no último compromisso do ano, domingo, contra o Athletico-PR.

LEIA MAIS! Sá Pinto redescobre seu antigo pupilo, que salva a pele do técnico do Vasco

Vice-artilheiro do time ao lado de Ribamar, Fellipe Bastos se desentendeu com o técnico Ricardo Sá Pinto no início do mês e foi afastado do grupo. Seu contrato também termina em 31 de dezembro e não será renovado.

Publicidade

Os contratos dos jovens Bruno Consedey e Rafael França, formados nas categorias de base do Vasco, também terminam no último dia do ano. Eles não terão o vínculo renovado por opção técnica do clube.

Benítez se aproxima do adeus ao Vasco

A saída mais sentida pela torcida do Vasco, apesar de ainda não sacramentada, é a do meia Martín Benítez. Ao lado de Germán Cano, o Ben10 se tornou um dos principais jogadores do Cruzmaltino em 2020. O presidente Alexandre Campello chegou a acertar com o Independiente, da Argentina, a compra de 60% dos direitos do jogador. Porém, como deixará o posto em 19 de janeiro, deixou a cargo do próximo presidente, Jorge Salgado, concluir o negócio. Entretanto, Salgado entende que os valores são muito altos e tenta a prorrogação do empréstimo, mas o Independiente não aceita.

A saída destes sete jogadores representará uma redução significativa nas despesas do futebol do Vasco. Benítez, Ramon, Breno e Ribamar têm alguns dos maiores salários do plantel e suas saídas vão reduzir em quase 25% a folha salarial, que gira em torno de 4 milhões de Reais.