Publicidade

Deu para o gasto. O Vasco não foi brilhante, mas derrotou o Vila Nova por 1 a 0 na noite desta terça-feira. Atuando em São Januário, o Cruzmaltino conseguiu a segunda vitória seguida na Série B do Campeonato Brasileiro, que chega a sua 17ª rodada.

O gol de Léo Jabá deixou os vascaínos com 28 pontos, no G-4 da competição. Já os goianos, com dez pontos a menos, estão na parte intermediária da tabela.

Vasco teve problemas com o Vila Nova (Foto: Rafael Ribeiro/Vasco)

O Vasco volta a campo pela Série B do Campeonato Brasileiro já na próxima sexta-feira. O time encara o Remo a partir das 21h30(de Brasília) no Estádio Baenão, em Belém (PA). Já o Vila Nova, no domingo, às 11h(de Brasília), vai ao Estádio do Café, no Paraná, visitar o Londrina.

Vasco marcou nos acréscimos

Leandro Castán foi substituído no primeiro tempo (Foto: Rafael Ribeiro/Vasco)

Publicidade

Com três minutos de jogo o Vila Nova deu um susto no Vasco. Henan foi lançado em um contra-ataque, invadiu a área e chutou para boa defesa do goleiro Vanderlei. O arqueiro deu sorte porque Arthur Rezende furou no rebote.

Sem Cano, suspenso, o Vasco tinha dificuldades ofensivas e vivia de espasmos de Léo Jabá e Sarrafiore. Pouco para quem queria abrir o placar. Tanto que assustou apenas aos 18 minutos, quando Sarrafiore chutou prensado para a defesa do goleiro Georgemy.

MAIS! Vasco não define data para retorno dos campeões olímpicos

Publicidade

O Vila Nova era mais eficiente nos contra-ataques. Em um deles, aos 23 minutos, Alesson tirou tinta da trave em chute de fora da área.

Apesar de mal em campo o Vasco conseguiu chegar ao gol aos 47 minutos. Após jogada trabalhada Léo Jabá chutou cruzado e contou com um desvio da zaga para surpreender o goleiro do Vila Nova, que nada pôde fazer.

Jogo deu sono na etapa final

Léo Jabá fez o gol do primeiro tempo em São Januário (Foto: Rafael Ribeiro/Vasco)

Na volta para o segundo tempo o jogo ficou sonolento, com excesso de faltas e pouco futebol. Tanto que o primeiro lance de perigo aconteceu apenas aos 22 minutos, quando Rafael Donato quase empatou após cobrança de escanteio. Ele cabeceou sobre o gol.

Relacionadas

Publicidade

O Vasco, por sua vez, só conseguiu criar problemas aos 28 minutos. Figueiredo lançou Léo Jabá, que deslocou o goleiro. Mas a bola foi para fora. Aos 40 o Vila respondeu com cabeçada de Rafael Donato, para fora. Assim o Vasco conseguiu segurar o placar.

FICHA TÉCNICA:
VASCO 1 X 0 VILA NOVA

Local: São Januário, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 10 de agosto de 2021, terça-feira
Hora: 21h30 (de Brasília)
Árbitro: Felipe Fernandes de Lima (MG)
Assistentes: Ricardo Junio de Souza (MG) e Fernanda Nândrea Gomes Antunes (MG)
Renda e público: jogo realizado com portões fechados por conta da pandemia
Cartões amarelos: Léo Mattos, Leandro Castán, Marquinhos Gabriel e Rómulo (Vasco) e Alesson, Mazetti, Renan Mota, Rafael Donato Xandão, Kelvin e Dudu (Vila Nova)
Gols:
VASCO: Léo Jabá aos 47 minutos do 2º Tempo
VILA NOVA:

Publicidade

VASCO: Vanderlei, Léo Matos, Miranda, Leandro Castán (Ernando) e Zeca; Rômulo, Juninho (Andrey) e Marquinhos Gabriel (Cayo Tenório); Sarrafiore (MT), Figueiredo (Galarza) e Léo Jabá
Técnico: Lisca
VILA NOVA: Georgemy, Xandão (Alan Grafite), Rafael Donato e Renato Silveira; Mazetti (Clayton), Dudu, Arthur Rezende (Cássio Gabriel), Renan Mota (Moacir) e Willian Formiga; Alesson e Henan (Kelvin)
Técnico: Higo Magalhães

 

Comentários