Publicidade

A segunda rodada da Champions League foi encerrada na quarta-feira e chegou a hora de fazer um balanço de como as coisas estão após os dois jogos que cada time fez. Já é fácil perceber que os gigantes espanhóis Barcelona e Real Madrid vivem situação complicada. Mas o Barça é quem sofre mais. Já Bayern de Munique, Liverpool e Juventus despontam. O MAIS QUE UM JOGO Faz o termômetro da Champions League até aqui.

O Bayern de Munique fez 5 a 0 no Dínamo de Kiev e já tem a melhor campanha até aqui entre os 32 participantes. O time bávaro já tinha estreado em grande estilo, batendo o Barcelona por 3 a 0 na Espanha.

Galeria de Fotos

Mas não foi apenas o Bayern quem deu uma boa sinalização rumo ao título. Se vem mal no Calcio após a saída de Cristiano Ronaldo, a Juventus vem dando demonstração de força. Venceu o atual campeão Chelsea por 1 a 0 em Turim e se isolou na liderança do Grupo H com seis pontos e cem por cento de aproveitamento.

Publicidade

Outro que vem se destacando, o Liverpool também brilha com cem por cento de aproveitamento. O time inglês goleou o Porto por 5 a 1 em Portugal e ficou mais embalado após a virada de 3 a 2 sobre o Milan na estreia. Aparece com seis pontos na Série B.

MAIS! Os memes da derrota do Barcelona na Champions League

No Grupo C dois times também aparecem com cem por cento. Ajax e Borussia Doretmund caminham de forma tranquila para a classificação para as oitavas de final.

Alguns times, como o PSG, reagem

Messi PSG Manchester City Messi voltou a jogar bem (Foto: Uefa)

Publicidade

Quem não tem cem por cento de aproveitamento mas ensaia uma reação é o PSG. Aos poucos o trio Neymar, Mbappé e Messi está progredindo. Com eles o time fez 2 a 0 no Manchester City na FRança e chegou aos quatro pontos.

– Aos poucos estamos nos conhecendo e buscando o progresso – disse Messi sobre o trio e o futuro do PSG.

Outro que reagiu foi o Manchester United, que graças a Cristiano Ronaldo conseguiu seus primeiros três pontos na competição: 2 a 1 sobre o Villarreal.

Publicidade

MAIS! PSG quer corrigir erro em busca do passado

Com a vitória de 3 a 0 sobre o Barcelona, o Benfica de Jorge Jesus é outro que vem mostrando força nesta Champions League. Está invicto e tem grandes chances de ficar com uma vaga nas oitavas de final.

Por falar em oitavas, quem sonha com ela é o Sheriff da Moldávia. O time fez 2 a 1 no Real Madrid no Santiago Bernabéu e aparece com impressionantes cem por cento de aproveitamento em uma chave que conta ainda com a Internazionale.

Espanhóis vivem crise. Assim como alguns portugueses

Real Madrid sofreu mesmo jogando em casa (Foto: Uefa)

Publicidade

Derrotado pelo Sheriff, o Real Madrid pode mergulhar em uma crise. A vaga nas oitavas ainda está longe de ser ameaçada. Mas é bom ligar o sinal de alerta.

– O Real Madrid vai conseguir seu progresso na hora certa e po isso vamos evoluir – disse ele.

Mas a maior crise é a do Barcelona. Com seis gols sofridos e nenhum marcado, só tem campanha melhor que à do Mälmo da Suécia.

Relacionadas

Messi deitado atrás da barreira no jogo contra o Manchester City - Foto: Imago

Publicidade

O futebol português, salvo oi Benfica, também sofre na Champions League. Sporting e Porto, que já levaram goleadas em casa, também amargam campanhas ruins e correm sério risco de ficarem de fora das oitavas.

Da Itália o maior drama vem do Milan, que perdeu seus dois primeiros duelos. Os rubro-negros correm risco de eliminação precoce. Mas sua arquirrival, a Internazionale, tem apenas um ponto e também está em um drama. Entretanto ainda tem muita água para passar debaixo da ponte.

Comentários