Publicidade

O Real Madrid não economizou para garantir a contratação de Aurélien Tchouaméni, meia francês de 22 anos. Ele vai se tornar, pelo menos, o quarto reforço mais caro da história merengue no mercado da bola.

Tchouaméni vai custar 80 milhões de euros (R$ 417,2 milhões). E o valor pode aumentar. O acordo com o Monaco prevê mais 20 milhões de euros (R$ 104,3 milhões) em bonificações.

Galeria de Fotos

O meia francês, assim, já supera Zidane na lista dos reforços mais caros do Real Madrid. Com as bonificações, Tchouaméni pode pular para o pódio e passar Cristiano Ronaldo.

Relacionadas

Darwin Núñez
Richarlison Everton

Publicidade

Aurélien Tchouaméni, que está com a seleção francesa, vai passar por exames médicos para ser anunciado pelo Real Madrid.

Os reforços mais caros do Real Madrid

Na temporada 2019/2020, o Real Madrid pagou a multa rescisória e tirou Éder Militão do Porto por 50 milhões de euros (R$ 260,7 milhões, na cotação atual). O zagueiro brasileiro se consolidou como peça importante do time merengue.

Militão Real Madrid Militão é peça importante do Real Madrid | Foto: JAVIER SORIANO/AFP via Getty Images

Figo é uma contratação histórica. O Real Madrid buscou o craque no Barcelona, na temporada 2000/2001, por 60 milhões de euros (R$ 312,9 milhões, na cotação atual).

Publicidade

Erik ten Hag pode receber reforço brasileiro no Manchester United

O Real Madrid, na temporada 2019/2020, pagou 63 milhões de euros (R$ 328,5 milhões, na cotação atual) ao Frankfurt por Luka Jovic. Até agora, o centroavante sérvio não deslanchou pelo clube merengue.

Manchester City ganha concorrência por lateral-esquerdo

Publicidade

Para tirar Kaká do Milan, na temporada 2009/2010, o Real pagou 67 milhões de euros (R$ 349,4 milhões, na cotação atual). O craque brasileiro vai ficar na sétima colocação deste ranking.

Chelsea interessado em nome de peso do rival Manchester City

Após uma boa Copa do Mundo, em 2014, James Rodríguez trocou o Monaco pelo Real Madrid. O clube merengue pagou 75 milhões de euros (R$ 391,1 milhões, na cotação atual).

Real é sempre protagonista do mercado da bola

Publicidade

Um dos pilares da era galáctica do Real, Zidane custou 77,5 milhões de euros (R$ 404,2 milhões, na cotação atual). Ele deixou a Juventus para ir para a Espanha.

Hazard se destaca com a Bélgica e reforça otimismo em voltar a brilhar

Tchouaméni vai ocupar o quarto posto deste ranking merengue.

Tchouaméni Tchouaméni e o sorriso de quem está indo para o Real Madrid | Foto: FRANCK FIFE/AFP via Getty Images

Publicidade

Cristiano Ronaldo abre o pódio das contratações mais caras do Real. Para tirar o astro português do Manchester United, na temporada 2009/2010, o clube merengue pagou 94 milhões de euros (R$ 490,2 milhões, na cotação atual).

Dybala mais perto da Inter de Milão

Gareth Bale se despediu do Real Madrid. Ele é o segundo jogador mais caro da história do clube. Na temporada 2013/2014, para tirá-lo do Tottenham, o clube espanhol pagou 101 milhões de euros (R$ 526,7 milhões, na cotação atual).

Publicidade

Barcelona tem alvo brasileiro para a lateral direita: ‘novo Daniel Alves’

Eden Hazard é o jogador mais caro da história do Real. O belga, ex-Chelsea, chegou ao clube na temporada 2019/2020. Ele custou 115 milhões de euros (R$ 599,7 milhões, na cotação atual).

Comentários