Futebol Internacional

Inacreditável! Derrota da Alemanha para a Macedônia entra para a história

Alemanha sofreu derrota histórica para a Macedônia (Foto: Imago)

A zebra correu solta nas Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2022, que será disputada no Catar. Pelo menos na Alemanha, onde a seleção da casa foi surpreendida pela Macedônia com um revés por 2 a 1. O resultado deixou todos surpresos. Entretanto não foi apenas isso. A derrota da Alemanha para a Macedônia entra para a história do futebol alemão.

Löw vai deixar de ser técnico da Alemanha (Foto: Imago)

O motivo histórico do tropeço é que a Alemanha não perdia um jogo pelas Eliminatórias para a Copa do Mundo há quase 20 anos. A última vez que os alemães deixaram o gramado por esta competição com uma derrota foi em 1 de setembro de 2001. Naquele dia os alemães foram goleados pela Inglaterra por 5 a 1.

Mais: Na seca, mas em boa fase… Haaland é mesmo diferenciado

A Alemanha, apesar da goleada, conseguiu se classificar para a Copa do Mundo de 2002, disputada no Japão e na Coréia do Sul. Além disso ficou em segundo lugar, perdendo a final por 2 a 0 para a Seleção Brasileira, que conquistaria o penta.

Alemanha tem retrospecto de luxo

Alemanha ganhou a Copa do Mundo de 2014. Além disso brilhou em campo (Foto: Getty)

Daquele jogo até a última quarta-feira, quando perdeu para a Macedônia, a Alemanha disputou 35 partidas pelas Eliminatórias. Ganhou 30 e ficou no empate em apenas cinco ocasiões. O time foi campeão em 2014, no Brasil, e caiu nas semifinais quatro dias antes, em 2006. Mas em 2018 caiu na fase de grupos.

LEIA MAIS! Tchau, City! PSG vai monitorar de longe a situação de Messi

O tropeço para a Macedônia tirou a Alemanha da zona de classificação do Grupo J das Eliminatórias na Europa. A chave tem na liderança a Armênia com nove pontos. A Macedônia, que tem a mesma pontuação dos alemães, é a segunda colocada por conta dos critérios de desempate. O primeiro de cada chave avança e os segundos vão para a repescagem. Assim é preciso reagir.

LEIA MAIS! Manchester City terá que se virar com mais de R$ 1,5 bi para contratar quem deseja

Você Também pode gostar