Publicidade

A Telstar 18, bola da Copa do Mundo da Rússia, apresentada nesta quinta (Foto: Divulgação) A Telstar 18, bola da Copa do Mundo da Rússia, apresentada nesta quinta (Foto: Divulgação)

Uma reinvenção de um modelo clássico com um novo design e a mais recente tecnologia. Foi assim que a Adidas apresentou, nesta quinta-feira, a bola oficial para a Copa do Mundo FIFA de 2018. O material faz homenagem à primeira bola da fabricante para uma Copa do Mundo.

A Telstar 18 – como a bola foi batizada – evoca memórias da Copa do Mundo do México, em 1970. A ideia é alimentar os sonhos daqueles que estarão em campo lutando pelo prêmio mais cobiçado do futebol mundial. Daí o design retrô e a tecnologia de ponta.

Publicidade

A bola é uma homenagem, também, a lendas do futebol como Pelé, Gerd Müller, Giacinto Facchetti, Pedro Rocha e Bobby Moore, que estiveram na Copa do Mundo de 1970.

“Eu tive a sorte de conhecer esta bola um pouco mais cedo e até consegui praticar um pouco”, disse Lionel Messi, participante do evento. “Eu gosto de tudo: o novo design, as cores, tudo”.

O nome da Telstar original remete a termo antigo equivalente á “estrela da televisão”. O padrão da Telstar 18 foi projetado para se destacar em TVs preto e branco, mudando para sempre o design do futebol. Anteriormente, as bolas eram monocromáticas, brancas ou marrons em couro puro.

Bola e smartphone

Publicidade

Quase 50 anos depois, a Telstar 18 apresenta uma nova carcaça, alta tecnologia e elementos sustentáveis, como embalagens recicladas. Ele também inclui um chip NFC incorporado, que permite aos consumidores interagir com a bola usando um smartphone. A experiência personalizada e com reconhecimento de localização exibe detalhes específicos de cada bola. Mas não é só isso.

“O Telstar original foi um dos acontecimentos mais emblemáticas de todos os tempos, mudando o futebol para sempre. O desenvolvimento da Telstar 18, manteve-se fiel ao modelo original, um desafio realmente emocionante para nós. A nova estrutura do painel e a inclusão de um chip NFC levaram a inovação e design de futebol a um novo nível. Oferecemos aos consumidores e aos jogadores uma experiência completamente nova “, explicou Roland Rommler, diretor de categoria de hardware de futebol da Adidas.

LEIA MAIS

Publicidade

Seca de gols: Cristiano Ronaldo vive seu pior início de temporada na Espanha
Há vida sem Guerrero? As soluções e o problema que o Flamengo precisa resolver
Flamengo fecha 2017 como pesadelo dos rivais e bom desempenho em clássicos
Título, Libertadores e risco de queda: veja as chances do seu time no Brasileiro
Confira a classificação do segundo turno do Campeonato Brasileiro
Da zona da degola à Libertadores? São Paulo entra na briga pelo G-7