Publicidade

Equilíbrio e muita emoção até o fim. É isso que se espera nesta quarta, quando Borussia Dortmund-ALE e Manchester City-ING entram em campo, às 16h (de Brasília), no Signal Iduna Park, pela rodada de volta das quartas de final da Champions League. Os ingleses tem a vantagem após vencer o duelo de ida, em seus domínios, por 2 a 1.

Haaland Borussia Dortmund Borussia Dortmund precisa dos gols de Haaland (Foto: Imago Images)

No entanto, o Borussia Dortmund sabe que uma vitória por 1 a 0 garante os alemães na semifinal da Champions. O técnico Edin Terzic destacou que os donos da casa estão confiantes na classificação.

– A esperança aqui é enorme, mas só isso não será suficiente. Já mostramos que conseguimos fazer frente a grandes equipes. Esta tarefa será imensamente difícil e vai exigir trabalho árduo e muita coragem – disse.

Publicidade

LEIA MAIS! Barcelona prepara oferta por Agüero, mas tem concorrência da Juventus

O Dortmund vai poder contar com o atacante Haaland, que é sempre um perigo na área adversária.

City encara jogo como se tivesse 0 a 0

Guardiola Manchester City Guardiola quer City ousado (Foto: Manchester City / Divulgação)

Só que o Manchester City quer manter a boa temporada. O técnico Pep Guardiola não se acomodou com a vantagem no jogo de ida e pregou foco na vitória na Alemanha.

Publicidade

– Nada está garantido. Temos de tentar executar o nosso plano. Não importa o que aconteceu na primeira partida, pois havendo um segundo jogo ainda há chance de tudo. Não vamos defender a vantagem, vamos tentar, isso sim, aumentá-la. Queremos impor o nosso estilo de jogo e ganhar – declarou.

LEIA MAIS! Assédio de Messi a Neymar deve render ações e protestos no PSG

O City só conquistou a vitória em Manchester nos minutos finais e tenta acabar com a sina de não ir bem na Champions.