Publicidade

No esporte, ser mandante e jogar em casa é uma vantagem, certo? Mais ou menos… sobretudo nesta edição do Campeonato Brasileiro. A “lógica” da superioridade de quem atua em seus domínios, algo até histórico, continua a vigorar. Porém, numa proporção menor em 2017. Neste ano, por exemplo, em 28 rodadas, o número de vitórias (87 triunfos) dos visitantes é maior do que de todo o Brasileirão de 2016 (os “forasteiros” levaram a melhor em 83 oportunidades).

Corinthians é o melhor mandante e visitante do Campeonato Brasileiro | Foto: Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians

Para se ter uma ideia, após o mesmo número de rodadas em 2016, os visitantes aprontaram em 63 ocasiões. Ou seja, o Brasileiro deste ano teve 24 resultados a mais no “mesmo período”.

O curioso é que o Campeonato Brasileiro deste ano começou com os “forasteiros em branco”. Na primeira rodada, nenhum visitante venceu, algo que se repetiu na 11ª jornada. Porém, a 13ª rodada foi a “festa dos visitantes”. Dos dez jogos, em oito os visitantes venceram – o Sport, que bateu a Chapecoense, foi o único mandante a vencer (o São Paulo empatou com o Atlético-GO).

Publicidade

Leia também:
> No Dia da MPB, veja os clubes de cantores brasileiros
Nike e NBA se voltam para o mercado brasileiro
O São Paulo x Sport mais estranho que você já viu
Na ressaca dos 8 a 0, argentinos lembram do Botafogo
O que realmente importa na polêmica do gol de mão de Jô
Paolo Guerrero e o desafio de fazer história no Flamengo
Relembre casos de entregadas no futebol
Gol contra de Pará: veja outros golaços… contra

O Brasileiro deste ano também reserva algo fora da curva em relação ao ano passado. Até o momento, três clubes têm mais pontos como visitantes do que como mandantes. Atlético-MG, Atlético-GO e Vitória têm se saído melhor fora de casa. O Galo conquistou 23 pontos como visitante e 15 como mandante. O Dragão somou 14 pontos fora de Goiás e 12 em casa. O caso do Vitória é ainda mais significativo. Fora de casa, conseguiu 24 pontos, contra nove na Bahia. Em 2016, todos os clubes somaram mais pontos como mandantes do que como “forasteiros”.

Número de vitórias dos mandantes cai

Novamente em comparação com a edição do ano passado, o número de vitórias dos mandantes apresenta queda. Em 28 rodadas do Brasileirão-2016, os donos da casa venceram 152 jogos. Em 2017, os mandantes ganharam 120 partidas.

Publicidade

Ao todo, no ano passado, os mandantes venceram 202 vezes. O Brasileiro deste ano apresenta então um “déficit” de 82 vitórias. Se for levar em conta que faltam 100 jogos, os mandantes vão precisar ter um aproveitamento de 82% nas próximas dez rodadas para igualar o desempenho de 2016.

Confira o retrospecto dos times no Campeonato Brasileiro

[table id=5 /]