Publicidade

O Fluminense segue trabalhando para prorrogar o empréstimo do volante Hudson até o fim do próximo ano. O jogador tem os direitos federativos ligados ao São Paulo e hoje é um dos pilares no time de Odair Hellmann. Nos últimos dias o Tricolor avançou neste sentido. Hudson tem contrato até 31 de dezembro com o Fluminense.

Fluminense quer manter Hudson (Foto: Lucas Merçon/ Fluminense)

O São Paulo vinha trabalhando apenas no sentido de receber pelos direitos federativos do jogador. Agora as partes trabalham com a possibilidade de um pagamento pelo valor do empréstimo, mas com o Tricolor arcando com os salários do atleta. Isso já é um alívio para os cofres do clube. Além disso esse alívio se torna maior porque o técnico do Tricolor paulista, Fernando Diniz, não pretende contar com o atleta.

Leia também:

Publicidade

Nenê: ‘Penso em me aposentar no Fluminense’
Erro estratégico! Fluminense mostra preocupação com falta de criatividade

Fernando Diniz, inclusive, orientou o empréstimo ao Fluminense por entender que o jogador se manteria na vitrine.

Eleição do São Paulo atrapalha Hudson no Fluminense

Fernando Diniz já trabalhou no Fluminense (Foto: Divulgação)

O Fluminense assim se aproximou do acordo. Entretanto a eleição no São Paulo atrapalhou o acordoo. A indefinição sobre o futuro do clube faz com que os dirigentes paulistas não queiram se comprometer com nenhum compromisso antes do pleito.

Publicidade

A renovação do empréstimo de Hudson é muito importante em um momento que o Fluminense vem encontrando dificuldades para renovar o contrato do também volante Dodi. O jogador tem vínculo somente até dezembro e não aceitou as primeiras porpostas do Tricolor carioca.

Aos 32 anos, Hudson é titular do Fluminense. Ele foi revelado nas categorias de base do Santos. Entretanto rodou por clubes do interior paulista. O volante chegou ao São Paulo e virou destaque em 2014. Mas Hudson perdeu espaço e em 2017 foi emprestado ao Cruzeiro. O São Paulo emprestou Hudson ao Fluminense em janeiro de 2020. Assim o Tricolor carioca agora quer manter o volante por mais um ano.