Publicidade

O técnico do Flamengo, Rogério Ceni, não pôde dirigir o time na vitória de 1 a 0 sobre o Coritiba no Paraná na noite de quinta-feira. O treinador testou positivo para a Covid-19 e ficou de fora do jogo no Estádio Couto Pereira pela rodada de ida da terceira fase da Copa do Brasil. Mas não deixou de dar seus pitacos e pediu ao substituto, Mauricio Souza, para colocar o lateral-direito Rodinei em campo.

No intervalo do jogo o lateral-direito Matheuzinho foi substituído por Rodinei. A mudança para a maioria das pessoas tinha acontecido porque o jovem revelado nas categorias de base recebeu o cartão amarelo no primeiro tempo. Assim existia o temor de uma expulsão.

Mauricio Souza atendeu a um pedido de Ceni (Foto: Alexandre Vidal/Flamengo)

Mas a versão de que o medo do cartão vermelho tirou Matheuzinho de campo foi desmentida pelo próprio Mauricio. O interino revelou o pedido de Ceni por Rodinei.

Publicidade

– A entrada do Rodinei foi um pedido do professor Rogério para fazer essa substituição. Com certeza ele queria observar um pouco o jogador – disse Mauricio.

MAIS! Flamengo vive tensão com a CBF

Rodinei deixou o Flamengo em dezembro de 2019 após conquistar a Copa Libertadores e o Campeonato Brasileiro. O Rubro-Negro emprestou o jogador ao Internacional, clube que defendeu por um ano. Em maio ele voltou ao time carioca e fez a sua reestreia contra o Coxa.

Rodinei em ação contra o Coritiba (Foto: Alexandre Vidal/Flamengo)

Publicidade

O Flamengo reencontra o Coritiba, com a vantagem do empate, na próxima quarta-feira, às 21h30(de Brasília), no Maracanã. Mas antes disso se concentra no Brasileirão. O Flamengo encara o América-MG no domingo, às 16h(de Brasília), também no Maracanã.

Relacionadas

Arrascaeta Flamengo x Palmeiras

Comentários