Publicidade

A mudança da sede da Copa América, que deixou a Argentina e passou para o Brasil, é vista com bons olhos pela diretoria do Flamengo. O clube pretendeu usar essa alteração para minimizar os danos que o torneio vai causar no plantel.

O Flamengo é o principal prejudicado neste meio de ano pelas convocações das seleções do Brasil e da América do Sul. A realização das Eliminatórias da Copa de 2022, da Copa América e das Olimpíadas, vão deixar a equipe de Rogério Ceni com muitos desfalques nos próximos dois meses.

Marcos Braz e departamento de futebol do Flamengo sofrem com seleções. Assim querem mudanças (Reprodução FlaTV)

A revolta da diretoria e da torcida rubro-negra aumentou mais ainda na noite deste domingo, quando o técnico Tite convocou Rodrigo Caio. O zagueiro rubro-negro foi chamado para a vaga de Thiago Silva, do Chelsea, que sofreu uma lesão muscular na final da Liga dos Campeões.

Publicidade

MAIS! Marcos Braz quer 10 mil torcedores no estádio

Assim, o Flamengo tem Gabigol, Everton Ribeiro e Rodrigo Caio na Seleção Brasileira principal. Arrascaeta, Ista e Piris da Motta estarão servido às seleções de Uruguai, Chile e Paraguai, respectivamente. Além disso, Gerson e Pedro se juntaram ao grupo da Seleção Olímpica para um período de preparação na Europa.

CBF adiou jogos do Flamengo

Gabigol Flamengo x Internacional Gabigol e Gérson vão defender a Seleção (Foto: Alexandre Vidal / Flamengo)

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) decidiu adiar duas partidas do Flamengo esta semana. Assim o jogo contra o Coritiba pela terceira fase da Copa do Brasil passou para a quinta-feira, dia 10 de junho. Além disso a partida contra o Grêmio pela segunda rodada do Brasileirão, que seria no final de semana, ainda não tem data para acontecer.

Relacionadas

Rodrigo Caio Seleção Brasileira

Publicidade

Mas não satisfeito, os dirigentes rubro-negros pretendem então pressionar a CBF para paralisar o Campeonato Brasileiro durante a realização da Copa América. O torneio, previsto para acontecer entre 12 deste mês e 12 de julho, teve sua sede alterada.

Após a entidade principal do futebol nacional confirmar a realização do torneio no país, o presidente do Flamengo, Rodolfo Landim, e o VP de relações externas, Luiz Eduardo Baptista, o Bap, foram até a sede da CBF na Barra da Tijuca. Segundo informações da TNT Sports, a dupla formalizou o pedido ao presidente Rogério Caboclo.

Comentários