Publicidade

O Flamengo precisa vencer o São Paulo por dois ou mais gols de diferença para avançar na Copa do Brasil. Contudo, a julgar pelo retrospecto no Morumbi, essa não será uma tarefa fácil. A última vez que isso aconteceu foi em 2003, e, curiosamente, Rogério Ceni e Fernando Diniz estavam em campo.

Edilson marcou dois gols na vitória do Flamengo por 3 a 1 no Morumbi (Reprodução Youtube))

Há dezessete anos atrás, Ceni, o atual técnico do Flamengo era o goleiro titular do Tricolor, enquanto Diniz, hoje comandante são-paulino, era titular do meio de campo Rubro-Negro.

A partida encerrou a participação das duas equipes no Campeonato Brasileiro, vencido pelo Cruzeiro. Embora o São Paulo, terceiro lugar, apenas cumprisse tabela, o Flamengo, nono, ainda tinha interesse no resultado. O Rubro-Negro precisava ao menos empatar para garantir vaga na Copa Sul-Americana, mas subiu uma posição.

Publicidade

Diego Tardelli abriu o placar aos 12 minutos do primeiro tempo, mas Rafael Pereira deixou tudo igual antes do intervalo. A virada veio logo no início do segundo tempo, com Edilson marcando de cabeça aos 2 minutos. Além disso, o Capetinha ampliou aos 22 após receber bela enfiada de Felipe.

Leia também:

Flamengo se mobiliza para ter força máxima contra o São Paulo

Publicidade

Ceni sai em defesa de Hugo Souza: ‘O futuro dele é excepcional’

Comandado por Waldemar Lemos, o Flamengo entrou em campo com Júlio César no gol, Henrique Souza, Fabiano Eller, Anderson Alves e Rafael Pereira; Luciano Baiano, Fernando Diniz, Felipe e Jonatas; Ibson e Edilson.

Valendo uma vaga nas semifinais do mata-mata, Flamengo e São Paulo estarão no Morumbi na próxima quarta-feira. Desde que perdeu o jogo de ida, no Maracanã, por 2 a 1, o Rubro-Negro precisa reverter a vantagem.