Publicidade

Gatito Fernández é um caso especial para o Botafogo. O goleiro paraguaio, de 33 anos, é mais um nome do elenco em fim de contrato. A situação dele é diferente por dois motivos: pela idolatria e pelo tempo parado.

O Botafogo deseja manter Gatito e dá sinais de otimismo em chegar a um acordo com goleiro.

Gatito Fernández Botafogo Gatito Fernández está no fim do contrato | Foto: Vitor Silva / Botafogo / Divulgação

– Temos sempre que tratar o Gatito de forma diferente. Além de goleiro excepcional, é ídolo do clube, entendemos pelo apelo da torcida, tem representatividade grande. Estamos conversando com representantes e com o jogador, acreditamos em desfecho positivo – declarou Eduardo Freeland, diretor do Botafogo, à “Rádio Brasil”.

Relacionadas

Gatito Fernández Botafogo
Botafogo

Publicidade

Gatito não entra em campo pelo Botafogo desde setembro de 2020. O goleiro paraguaio precisou superar um edema ósseo no joelho direito. Ele foi relacionado para o jogo contra o Guarani, pela última rodada da Série B.

MAIS! Torcida impressiona e vira combustível para o Botafogo

– O momento é delicado, pelos 14 meses sem atuar, mas conversamos muito com Flavio (Tenius), que é referência na preparação de goleiros, e com o Núcleo de Saúde e Performance, estamos muito confiantes que em 2022 tende a brilhar novamente com a camisa do Botafogo – completou.

Publicidade

MAIS! Carlinhos tem pré-contrato com Botafogo até o fim do Estadual

Gatito completou cinco anos de Botafogo. Ele chegou ao clube em 2017 e rapidamente conquistou a torcida.

Comentários