Publicidade

O projeto do Vasco para este ano de 2021 era apenas um: retornar à Serie A para estar na elite do futebol brasileiro. No entanto, a performance do time na Série B do Brasileirão aponta para outro resultado, que seria a indesejada permanência na Segundona. O time não se acerta e vem acumulando derrotas, como aconteceu nesta segunda-feira, na Ressacada, em Florianópolis, diante do Avaí.

Cano mais uma vez passou em branco no Vasco, agora contra o Avaí (Foto: Rafael Ribeiro/ Vasco)

Com a derrota por 3 a 1 para os catarinenses, o Vasco amarga a 9ª colocação na tabela e vê, aos poucos, o projeto Série A afundar. Entretanto, no meio do caos de São Januário, por incrível que pareça o atacante Cano sobrevive como goleador, fazendo história no clube.

Leia também

Vasco junta os cacos e busca reação na Série B

Publicidade

Lisca revela o lance que fez o Vasco perder para o Avaí

Apesar de completar 10 partidas sem marcar – seu maior jejum desde que chegou ao Vasco -, Cano é o artilheiro do time na temporada, com 14 gols. Quer mais?

Cano é o maior goleador estrangeiro do Vasco da Gama no Século 21. E se considerarmos toda a história gloriosa vascaína, ele aparecem em segundo lugar entre os estrangeiros. O argentino chegou ao Vasco em janeiro de 2020. Desde então marcou 38 gols,  caindo nas graças da torcida. Aliás, ele é um dos únicos poupados pelos torcedores.

Relacionadas

Lisca Vasco

Publicidade

Para piorar, o tempo está se esgotando. Faltam 15 rodadas para o fim da Série B 2021.

Comentários