Publicidade

7 a 1 de novo? O PSG conquistou o título francês no último domingo aplicando o famoso placar no Monaco. O resultado representa um pesadelo para os brasileiros desde as semifinais da Colpa do Mundo de 2014. Relembre outras vezes que o placar apareceu em jogos importantes por campeonatos nacionais pelo Brasil e pelo mundo:

1934 – Itália 7 x 1 Estados Unidos

Itália atropelou os Estados Unidos em 1934 (Foto: Acervo Fifa) Itália atropelou os Estados Unidos em 1934 (Foto: Acervo Fifa)

Mussolini usava a Copa do Mundo de 1934 para fazer a sua propaganda do Fascismo. Em campo a Azzurra correspondeu e ergueu o caneco. Nas oitavas de final, no Estádio Olímpico, em Roma, uma goleada impiedosa de 7 a 1 sobre os Estados Unidos levou ao deleite o ditador. Schiavio foi o nome do jogo marcando três gols. Orsi balançou as redes duas vezes. Ferrari e o craque Giuzeppe Meazza completaram o marcador. O gol norte-americano de Donellio foi pouco percebido.

Publicidade

Leia também:

Real x Bayern e Liverpool x Roma: o retrospecto entre os semifinalistas da Champions
Quatro países nas semifinais da Champions League é raridade
Cristiano Ronaldo completa 150 jogos pela Champions League: as principais vítimas
Buffon não é o único: craques que não conquistaram a Champions League
Zebras campeãs da Champions League? A Roma pode sonhar
Roma entra para lista de reviravoltas históricas na Champions League

1950 – Copa do Mundo – Brasil 7 x 1 Suécia

Brasil foi bem nas primeiras fases em 1950 (Arquivo Fifa) Brasil foi bem nas primeiras fases em 1950: 7 a 1 na Suécia (Arquivo Fifa)

Publicidade

Na abertura da segunda fase da Copa do Mundo de 1950 a Seleção Brasileira encarou a Suécia no Maracanã. O show foi de Ademir Menezes, que balançou as redes quatro vezes. Chico marcou mais dois e Maneca deixou a sua marca. Anderson, de pênalti, descontou. O Brasil seria vice, perdendo por 2 a 1 a final para o Uruguai.

2001 – Campeonato Brasileiro – Vasco 7 x 1 São Paulo

Romário foi o nome da goleada vascaína (Foto: Reprodução Youtube) Romário foi o nome da goleada vascaína (Foto: Reprodução Youtube)

Ídolo do São Paulo, Rogério Ceni foi expulso de campo e até hoje tenta esquecer o que aconteceu na tarde de domingo 21 de novembro de 2001 no Maracanã. Gilberto, Léo Lima, Euller e Dedé anotaram um gol cada umk. Mas a tarde foi de Romário, que balançou as redes três vezes. França descontou.

Publicidade

2004 – Fluminense 7 x 1 Juventude

Rodrigo Tiuí anotou três gols pelo Fluminense (Foto: Reprodução Youtube) Rodrigo Tiuí anotou três gols pelo Flu  (Foto: Reprodução Youtube)

Em uma noite de outubro o Estádio Raulino de Oliveira recebeu o duelo entre Fluminense e Juventude pelo Campeonato Brasileiro de 2004. Os times não empolgavam, mas o Tricolor goleou por 7 a 1. Rodrigo Tiuí foi o destaque com três gols. Roger (2) e Alessandro (2) também balançaram as redes. Lopes descontou.

2005 – Campeonato Brasileiro – Corinthians 7 x 1 Santos

Tevez deu show pelo Corinthians (Foto: Meu Timão) Tevez deu show pelo Corinthians (Foto: Meu Timão)

Publicidade

O Corinthians caminhava para a conquista do título quando cruzou o caminho do Santos em novembro. Carlos Tevez, com o capeta no corpo, marcou três vezes, enchendo o Pacaembu de euforia. Nilmar (2), Rosinei e Marcelo Mattos. O gol do santista Geílson apenas minimizou o vexame do Peixe.

2008 – Campeonato Brasileiro – Figueirense 1 x 7 Grêmio

O Grêmio afundou o Figueirense (Foto: Arquivo Grêmio) O Grêmio afundou o Figueirense (Foto: Arquivo Grêmio)

O Figueirense foi rebaixado no Campeonato Brasileiro daquele ano, mas enfrentou uma humilhação um pouco antes, naquela edição. Jogando no Orlando Scarpelli e diante de sua torcida, o time catarinense foi goleado por 7 a 1 pelo Grêmio. Reinaldo e Perea marcaram três gols cada um. Marcel também fez o seu. Cleiton Xavier descontou.

Publicidade

2014 – Copa do Mundo – Brasil 1 x 7 Alemanha

Alemanha 7 a 1: um jogo para ser esquecido (Arquivo Fifa) Alemanha 7 a 1: um jogo para ser esquecido (Arquivo Fifa)

O Mineirão recebeu as semifinais da Copa do Mundo de 2014 e todos sabem o final infeliz da história. A Alemanha atropelou com gols de Schürrle (2), Kroos (2), Klose, Müller e Khedira balançaram as redes do goleiro Júlio César. Oscar descontou.

2014 – Liga dos Campeões – Roma 1 x 7 Bayern de Munique

Bayern de Munique atropelou a Roma (Foto: Arquivo Uefa) Bayern de Munique atropelou a Roma (Foto: Arquivo Uefa)

Publicidade

A Seleção Brasileira ainda se recuperava da goleada sofrida na Copa do Mundo, um outro 7 a 1 assombrou o planeta. Pela fase de grupos da Champions League o Bayern de Munique não tomou conhecimento da Roma e aplicou 7 a 1 no Estádio Olímpico, na capital italiana. Os gols alemães foram marcados por Robben (2), Lewandowski, Müller, Shaqiri e Ribéry. Gervinho fez o único da Roma.

2016 – Copa América – Brasil 7 x 1 Haiti

Haiti não foi páreo para o Brasil (Foto: Arquivo Conmebol) Haiti não foi páreo para o Brasil (Foto: Arquivo Conmebol)

A Seleção Brasileira, dirigida por Dunga, aplicou uma goleada de 7 a 1 sobre o frágil Haiti pela segunda rodada da Copa América de 2016, na edição dos Estados Unidos que comemorou o centenário do torneio. Philippe Coutinho (3), Renato Augusto (2), Gabriel e Lucas Lima anotaram os tentos dos canarinhos, que foram eliminados na primeira fase. O gol do Haiti foi de James Marcelin. O Chile foi o campeão.

2018 – Campeonato Francês – PSG 7 x 1 Monaco

Daniel Alves é um dos líderes do PSG (Foto: divulgação PSG)

Publicidade

O Paris Saint-Germain entrou em campo precisando de uma simples vitória sobre o Monaco para dar a volta olímpica diante de sua torcida, no Estádio Parc dos Princes em Paris. O 7 a 1 apareceu mais uma vez. Lo Celso (2), Cavani, Di María (2), Falcao García (contra) e Draxler anotaram os gols dos campeões. Rony Lopes descontou para o Monaco.