Publicidade

Placar de 1 a 1 manteve escrita do Independiente, para azar do Flamengo (reprodução TV) Placar de 1 a 1 manteve escrita do Independiente, para azar do Flamengo (reprodução TV)

O empate com o Flamengo, por 1 a 1, não surpreendeu a quem acompanha mais de perto o Independiente. Com o resultado, além do título da Sul-Americana, os argentinos fizeram valer sua escrita particular. O time fecha o ano com apenas uma derrota por dois gols de diferença em 2017.

Para azar do Flamengo, seria justamente essa a diferença de gols que garantiria o título para a Gávea. Não deu.

Publicidade

Não à toa o Independiente é chamado “Rei de Copas” pelo seus torcedores e imprensa local. O clube soma sete títulos da Libertadores. Sobre os dois gols de diferença, apenas o o Boca Juniors conseguiu tal feito em cima do Independiente. Ganhou por 3 a 0, em junho, pelo Campeonato Argentino 2016/2017. As outras cinco derrotas foram por um gol de diferença.

Independiente fez a festa no Maracanã: campeão da Sul-Americana | Foto: Divulgação

E na Argentina?

O calendário argentino é semelhante ao europeu, com início na metade do ano. No campeonato nacional, o Independiente está na sétima colocação. O Rei de Copas perdeu duas vezes em dez jogos, sendo as duas por 1 a 0.

Não era nada fácil a situação do Flamengo…

Publicidade

Leia também…

Davi Luiz galês estreia e chama atenção no Chelsea
Com o Grêmio, Brasil chega à final pela 17ª vez e pode ampliar vantagem
Veja o retrospecto de Neymar contra o Real Madrid
Neymar vira garoto-propaganda de marca de café
Corinthians e Nike ampliam parceria
Cristiano Ronaldo se torna o maior artilheiro do Mundial de Clubes