Publicidade

O Villarreal segurou o Arsenal e evitou uma final inglesa na Liga Europa. Após vencer o jogo de ida por 2 a 1, o clube espanhol empatou sem gols, na Inglaterra, nesta quinta-feira, e garantiu a vaga na decisão. O adversário será o Manchester United, que despachou a Roma. A final da Liga Europa será no dia 26, em Gdansk, na Polônia.

Pressionado, o Arsenal decepcionou. No primeiro tempo, pouco criou. O clube inglês até conseguiu pressionar na etapa final, mas não foi suficiente. Aubameyang parou na trave. É uma temporada frustrante. O Arsenal é apenas o nono colocado da Premier League, distante da zona de classificação para as competições internacionais.

Pablo Marí Arsenal Pablo Marí ganha pelo alto | Foto: Uefa

O Villarreal vai para uma final europeia pela primeira vez na história e agora vai buscar derrubar outro clube de peso da Inglaterra. O Manchester United desponta como favorito, mas o clube espanhol já mostrou que pode surpreender.

Arsenal decepciona na semifinal da Liga Europa

Publicidade

O clube inglês encontrou muita dificuldade para superar a marcação adversária. O Arsenal pouco criou na primeira etapa. O Villarreal assustou logo aos quatro minutos. Chukwueze chutou e obrigou Leno a espalmar. Porém, foi a única chance espanhola.

Sem inspiração, o Arsenal também só ameaçou de fato uma vez. Aos 25, após rebatida da defesa, Aubameyang emendou com estilo e acertou a trave. Depois, ele quase contou com a ajuda do goleiro Rulli, que por pouco não se complicou em chute fácil de defender.

Relacionadas

Messi Barcelona
Neymar x City

O primeiro tempo sem muitas emoções favoreceu ao Villarreal, que adotou a estratégia de se defender bem e aumentar a pressão do lado inglês.

Publicidade

O duelo ficou mais aberto na reta final. O Arsenal começou com tudo. Pépé levou perigo em finalização. Depois, Smith Rowe ficou com sobra do goleiro Rulli, mas errou o alvo. O Villarreal tinha o contra-ataque. Gerard Moreno testou Leno, que segurou com segurança. Depois, o goleiro do clube inglês cortou cruzamento.

O Arsenal buscava marcar. Aubameyang parou na trave mais uma vez. Após cruzamento pela direita, ele ganhou pelo alto, mas acertou o poste. A pressão, porém, não surtiu efeito. O clube inglês está eliminado.

Manchester United despacha a Roma na Liga Europa

Com a vaga encaminhada, após vencer o jogo de ida por 6 a 2, na Inglaterra, o Manchester United fez mais um jogo agitado com a Roma. Em casa, nesta quinta-feira, o clube italiano se despediu do torneio com uma vitória por 3 a 2.

Cavani Liga Europa Cavani voltou a balançar a rede da Roma | Foto: Uefa

Publicidade

Cavani, mais uma vez, mostrou o faro de artilheiro contra a Roma. No jogo de ida, ele já havia feito dois gols, em grande atuação. O centroavante uruguaio voltou a marcar duas vezes.

A Roma precisava de um milagre, após um placar tão pesado na ida (o clube italiano começou bem a partida e chegou a ficar em vantagem). Antes mesmo do jogo de volta, o time já pensava no futuro. O técnico José Mourinho foi anunciado como comandante da próxima temporada.

Cavani colocou o Manchester United na frente na etapa inicial. No segundo tempo, o clube italiano buscou uma “eliminação honrosa” e conseguiu virar o placar. Dzeko deixou tudo igual e Cristante, três minutos depois, fez 2 a 1. Porém, Cavani gosta de castigar a Roma. Ele marcou de novo e empatou.

Publicidade

Na reta final do jogo, a Roma voltou a ficar à frente do placar, após gol contra do brasileiro Alex Telles. Uma vitória para se despedir da Liga Europa de forma honrosa.

Comentários