Publicidade

Uma das expressões culturais mais famosas da Argentina, o tango é carregado de drama e cabe perfeitamente como trilha musical para a trajetória de Messi com a seleção de seu país. O astro inicia a Copa América em busca do sonhado título – o primeiro pelo time principal da Argentina. As decepções se acumulam no histórico do craque.

Messi conquistou dois títulos pela Argentina, mas em um contexto diferente. Ele foi campeão do Mundial Sub-20, em 2005, e da Olimpíada de Pequim, em 2008.

Messi Argentina Messi tenta tirar peso das costas | Foto: Imago Images

O primeiro capítulo desta Copa América é justamente contra um rival que castigou Messi e a Argentina. Inclusive, após um vice para o Chile, o astro anunciou que se aposentaria da seleção, mas voltou atrás.

Publicidade

Messi já disputou cinco edições da Copa América. Ele chegou a três finais. Logo de cara, na primeira participação dele, a Argentina avançou à decisão, em 2007, mas foi atropelada pelo Brasil de Dunga: 3 a 0.

Relacionadas

Tite
Neymar

Em 2011, a eliminação na Copa América foi para o Uruguai, nos pênaltis, nas quartas de final. Messi e a Argentina não têm se dado bem nas penalidades. Foram dois vices seguidos para o Chile, em 2015 e 2016, nos pênaltis.

O momento mais dramático – e possivelmente mais doloroso – aconteceu em 2016. Messi perdeu pênalti naquela disputa. Após o vice-campeonato, ele anunciou que se aposentaria da seleção, mas recuou da ideia posteriormente.

Messi Copa América 2016 A raiva de Messi após a decepção de 2016 | Foto: Imago Images

Publicidade

Em 2019, Messi e a Argentina caíram para o Brasil na semifinal. Na disputa pelo terceiro lugar, contra o Chile, o astro se envolveu em confusão com Medel e foi expulso.

Messi acumula frustrações com a Argentina

Em Copas do Mundo, o astro teve pesadelos com a Alemanha. Foram três eliminações seguidas contra os europeus. A primeira, em 2006, nas quartas de final. Jovem, ele nem sequer entrou em campo.

Em 2010, já eleito melhor do mundo e sob comando do ídolo Maradona, Messi e Argentina levaram uma surra: 4 a 0 nas quartas de final.

Messi e Maradona 2010 Argentina Messi e Maradona na eliminação de 2010 | Foto: Imago Images

Publicidade

A derrota para a Alemanha em 2014 foi ainda mais dolorosa. Na final, em pleno Maracanã, a Argentina de Messi tombou na prorrogação e amargou o vice-campeonato.

Galeria de Fotos

Na Rússia, a Argentina de Messi parou nas oitavas de final, diante da França.

O astro do Barcelona disputou quatro finais com a Argentina e perdeu as quatro, sendo três seguidas.

Comentários