Publicidade

O Benfica contratou o jovem Matías Lacava, de apenas 16 anos, considerado o “Messi da Venezuela”. Ele é filho de Rafael Lacava, polêmico governador do estado de Carabobo, entre outras coisas, cogitado para a sucessão do atual presidente venezuelano, Nicolás Maduro.

Matías chega ao Benfica após dois anos na Lazio. Ele chegou à Itália em 2007, quando seu pai foi nomeado embaixador da Venezuela naquele país. Nesse período, aliás, Rafael Lacava teve seu nome envolvido em escândalo financeiro.

Escândalo financeiro

Publicidade

O pai de Matías foi acusado de ter recebido dinheiro, por meio de depósitos em bancos na Suíça e Andorra. Ele teria intermediado a construção de uma refinaria na Venezuela.

Por sua vez, não é de hoje que Matías Lacava vem tentando carreira na Europa. Antes de jogar na Lazio, por exemplo, já havia estado no Barcelona, entre 2013 e 2015. O Benfica estava apenas aguardando a liberação da Fifa para fazer o anúncio, uma vez que Matías tem apenas 16 anos.

Leia também

Publicidade

Zagueiro entra no time de Saviola, Agüero, Icardi & Cia.: os jovens argentinos mais caros
Messi chega a 400 gols: veja os maiores artilheiros da história do Campeonato Espanhol
Vaivém da bola: veja boas opções de jogadores do exterior que podem reforçar seu clube