Publicidade

Lukaku está de volta ao Chelsea. O clube inglês abriu os cofres e pagou 115 milhões de euros (R$ 708,1 milhões) à Inter de Milão. O centroavante belga, agora, é líder de um ranking no mercado da bola. Lukaku superou Neymar e se transformou no jogador que mais movimentou dinheiro em transferências.

Esta foi a sexta transação de Lukaku que envolveu valores, contando a quantia paga pelo Everton pelo empréstimo do belga. O centroavante já movimentou mais de 300 milhões de euros (R$ 1,8 bilhão). Apenas ele e Neymar ultrapassaram esta barreira.

Galeria de Fotos

O Top 10, além de Neymar, tem outro nome brasileiro: Philippe Coutinho. A lista tem outros craques badalados, como Cristiano Ronaldo e Ibrahimovic.

Relacionadas

Lukaku Chelsea
Jack Grealish Manchester City

Os jogadores que mais movimentaram dinheiro

Publicidade

O centroavante argentino Higuaín, atualmente no Inter Miami, da MLS, aparece na 10ª colocação. Ao todo, ele movimentou 159 milhões de euros (R$ 979,1 milhões). O Real Madrid pagou 12 milhões de euros (R$ 73,8 milhões, na cotação atual) ao River Plate. O Napoli buscou o jogador na Espanha por 39 milhões de euros (R$ 240,1 milhões, na cotação atual). A Juventus abriu os cofres por Higuaín: 90 milhões de euros (R$ 554,2 milhões, na cotação atual). Já o Milan pagou 10,2 milhões de euros (R$ 62,8 milhões, na cotação atual), enquanto o Chelsea gastou 7,8 milhões de euros (R$ 48 milhões, na cotação atual) pela cessão.

Cristiano Ronaldo? Ancelotti fecha as portas do Real Madrid para o craque

O brasileiro Philippe Coutinho é o nono colocado deste ranking: 160,3 milhões de euros (R$ 987,1 milhões). Para buscá-lo no Vasco, a Inter de Milão pagou 3,8 milhões de euros (R$ 23,4 milhões, na cotação atual). O Liverpool buscou Coutinho por 13 milhões de euros (R$ 80 milhões, na cotação atual). O Barcelona, por sua vez, pagou 135 milhões de euros (R$ 831,3 milhões, na cotação atual). O Bayern de Munique investiu 8,5 milhões de euros (R$ 52,3 milhões) pelo empréstimo.

Philippe Coutinho Barcelona Philippe Coutinho ainda não brilhou no Barça | Foto: Imago Images

Publicidade

Pensa que acabou? PSG prepara mais uma ‘bomba’ no mercado da bola

Muita grana por estes craques

Ibrahimovic já rodou. O craque sueco movimentou 169,1 milhões de euros (R$ 1 bilhão). O Ajax buscou Ibra no Malmo por 7,8 milhões de euros (R$ 48 milhões, na cotação atual). A Juventus, então, contratou o atacante por 16 milhões de euros (R$ 98,5 milhões, na cotação atual). Ele foi para a Inter de Milão por 24,8 milhões de euros (R$ 152,7 milhões, na cotação atual). O Barcelona pagou 69,5 milhões de euros (R$ 427,9 milhões) por Ibrahimovic.

O Milan, somando o valor do empréstimo e a compra definitiva, investiu 30 milhões de euros (R$ 184,7 milhões) no sueco. Já o PSG contratou o craque por 21 milhões de euros (R$ 129,3 milhões, na cotação atual).

Publicidade

 

Ibrahimovic Ibrahimovic já rodou… | Foto: Imago Images

A sétima colocação deste ranking é de Dembélé. Ele já movimentou 170 milhões de euros (R$ 1 bilhão). O Borussia Dortmund buscou o atacante no Rennes por 35 milhões de euros (R$ 215,5 milhões, na cotação atual). Com a saída de Neymar, o Barcelona contratou Dembélé por 135 milhões de euros (R$ 831,3 milhões).

Mercado da bola movimenta cada vez mais dinheiro

Griezmann é o dono do sexto posto desta lista, com 174 milhões de euros (R$ 1,07 bilhão). O Atlético de Madrid pagou 54 milhões de euros (R$ 332,5 milhões, na cotação atual) à Real Sociedad. Já o Barcelona investiu 120 milhões de euros (R$ 738,9 milhões, na cotação atual) por Griezmann.

Publicidade

O meia argentino Di María já movimentou 179 milhões de euros (R$ 1,1 bilhão) no mercado da bola. O Benfica tirou o jogador do Rosario por 8 milhões de euros (R$ 49,2 milhões, na cotação atual). O Real Madrid pagou 33 milhões de euros (R$ 203,2 milhões, na cotação atual) por ele. O Manchester United contratou Di María por 75 milhões de euros (R$ 461,8 milhões, na cotação atual), enquanto o PSG investiu 63 milhões de euros (R$ 387,9 milhões, na cotação atual).

Di María e Neymar, armas do PSG para conquistar a tão sonhada Champions League - Foto: Imago Di María e Neymar, armas do PSG para conquistar a tão sonhada Champions League – Foto: Imago

O centroavante espanhol Morata é o quarto colocado, com 189 milhões de euros (R$ 1,16 bilhão). A Juventus buscou Morata no Real Madrid por 20 milhões de euros (R$ 123,1 milhões, na cotação atual). Depois, o clube merengue comprou o jogador por 30 milhões de euros (R$ 184,7 milhões, na cotação atual). O Chelsea, então, investiu 66 milhões (R$ 406,4 milhões). O Atlético de Madrid, somando empréstimo e compra, desembolsou 53 milhões de euros (R$ 326,3 milhões, na cotação atual). Morata retornou à Juventus, que pagou 20 milhões de euros (R$ 123,1 milhões, na cotação atual) pelo empréstimo.

Um pódio de respeito

A terceira colocação é de Cristiano Ronaldo. O astro português já movimentou 230 milhões de euros (R$ 1,4 bilhão). O Manchester United buscou CR7 no Sporting por 19 milhões de euros (R$ 117 milhões, na cotação atual). O Real Madrid, então, pagou 94 milhões de euros (R$ 578,8 milhões, na cotação atual) aos ingleses. Já a Juventus investiu 117 milhões de euros (R$ 720,4 milhões, na cotação atual) por CR7.

Publicidade

Neymar agora está na vice-liderança, com 310,2 milhões de euros (R$ 1,91 bilhão). Para buscá-lo no Santos, o Barcelona gastou 88,2 milhões de euros (R$ 543,1 milhões, na cotação atual). Já o PSG assustou o mundo ao pagar 222 milhões de euros (R$ 1,3 bilhão, na cotação atual).

Lukaku ultrapassou Neymar e chegou à casa de 327,56 milhões de euros (R$ 2 bilhões). Lá em 2011, o Chelsea buscou o belga no Anderlecht por 15 milhões de euros (R$ 92,3 milhões, na cotação atual). O Everton, somando empréstimo e compra, pagou 38,86 milhões de euros (R$ 239,3 milhões, na cotação atual).

Lukaku Chelsea Lukaku é dono do maior salário da Premier League | Foto: Chelsea / Divulgação

O Manchester United, então, investiu 84,7 milhões de euros (R$ 521,5 milhões, na cotação atual). A Inter, por sua vez, pagou 74 milhões de euros (R$ 455,6 milhões, na cotação atual). Agora, o Chelsea pagou 115 milhões de euros (R$ 708,1 milhões).

Comentários