Publicidade

O gigante Real Madrid está pressionado na Champions League, mas também está mobilizado. E pronto para encarnar o espírito vencedor que conhece muito bem. O volante brasileiro Casemiro deu o tom de como o elenco do Real Madrid encara o decisivo jogo contra o Borussia Mönchengladbach, nesta quarta-feira, às 17h, no Estádio Alfredo Di Stéfano, pela última rodada da fase de grupos da Champions.

Casemiro, Real Madrid Casemiro destaca a importância do duelo pela Champions | Foto: Real Madrid / Divulgação

“Não só eu, mas todo o vestiário sente que é uma final. Encaramos o jogo como uma decisão. Neste clube, sabemos que as finais não se jogam, se ganham. Vamos com o coração e com a alma. Sabemos que é o jogo mais importante do ano e não pensamos em outra coisa”, declarou Casemiro.

LEIA MAIS! Neymar no Barcelona vira meme após declarações do jogador

Publicidade

O Real Madrid avança para o mata-mata da Champions League se vencer o Borussia. Caso empate, precisará torcer para a Inter de Milão ganhar do Shakhtar Donetsk. Caso perca o jogo, o clube merengue estará eliminado e mergulhará numa crise.

Casemiro defende Zidane no Real Madrid

A mobilização do elenco do Real Madrid na Champions League pode significar também a sequência de Zidane à frente do time. O técnico está pressionado e corre risco de ser demitido se o clube merengue cair na fase de grupos da Champions League.

LEIA MAIS! ‘Pogba não come na mesma mesa que Cristiano Ronaldo’, diz astro inglês

Publicidade

Casemiro tratou de sair em defesa do técnico do Real Madrid. O volante brasileiro pontuou os títulos da última temporada (Campeonato Espanhol e Supercopa da Espanha), além de destacar o calendário corrido.

“O que vou falar sobre o Zidane? Fez história no ano passado e ganhou dois títulos. Muitas vezes não damos conta do que Zidane fez. A temporada é estranha, é verdade, a pré-temporada não foi boa, e jogar a cada três dias é complicado. O elenco está com o mister e valoriza o que fez”, acrescentou Casemiro.