Publicidade

O empate em 2 a 2 contra o Ceará no sábado, já faz parte do passado no Fluminense. Com pouco tempo para se recuperar de tropeços a ordem é olhar para frente. O elenco do Fluminense ganhou dois dias de folga e se reapresenta no CT de Jacarepaguá nesta terça-feira. Eliminado da Sul-Americana e da Copa do Brasil, o Tricolor só disputa o Campeonato Brasileiro e terá a semana livre.

Odair Hellmann Fluminense Odair terá semana livre para recuperar os jogadores (Foto: Lucas Merçon / Fluminense F.C / Divulgação)

No próximo domingo, o Flu receberá o Santos, no Maracanã, pela 18ª rodada do nacional de pontos corridos. Com o Peixe em 5º lugar na tabela e o Tricolor em 6º, as duas equipes farão um confronto direto dentro do G6.

Leia também:

Publicidade

Danilo Barcelos destaca luta do Fluminense e vê equipe subindo de produção
Fluminense contrata promessa do Americano

Para a partida, o Fluminense não terá o atacante Luiz Henrique, convocado para um período de treinos com a Seleção Brasileira Sub-20. Além dele, o volante Yago Felipe é dúvida. O jogador sentiu dores na coxa esquerda e teve que ser substituído durante o jogo contra o Ceará.

Fluminense foi criticado contra o Ceará

Fluminense sofreu com sequência de jogos (Foto: Lucas Merçon/Fluminense)

A atuação do time no tropeço em casa foi bastante criticada. O Tricolor saiu na frente e tomou a virada. O empate veio apenas nos acréscimos do segundo tempo. O técnico Odair Hellmann minimizou o resultado e culpou o desgaste da equipe.

Publicidade

– Não é o que a gente queria. Queríamos buscar a vitória dentro de casa, esses três pontos, mas veio o empate em uma superação física e tática dos jogadores. Nessa semana fizemos três jogos em seis dias e isso pesou. Mas é importante a gente avaliar toda a sequência de seis jogos sem perder dentro de casa, não perdemos ainda. Mas no Campeonato Brasileiro não é suficiente, você tem que buscar pontos fora de casa, tem que ganhar fora e em casa e quanto mais fizer isso regularmente, mais fica na parte de cima da tabela, como nós estamos e nos mantivemos no G-6. Claro que a gente sai chateado por não conseguir os três pontos, mas vamos recuperar todos, treinar forte para que a gente retome as vitórias dentro de casa – projetou Odair.

A boa notícia para o duelo de domingo é que o Santos não deve contar com um de seus principais jogadores. O atacante Soteldo está de saída para o Al Hilal, da Arábia Saudita, e foi descartado pelo técnico Cuca.