Fluminense

Fluminense ameniza pendências financeiras com o elenco

Elenco do Fluminense volta a treinar nesta sexta (Foto: Divulgação)

O Fluminense conseguiu amenizar um pouco a sua situação financeira. A diretoria quitou os meses de maio e junho a jogadores e funcionário, no que se refere aos contratos de CLT. Além disso os dirigentes quitaram parcelas de direitos de imagem de dezembro, janeiro e o restante de fevereiro. Mas a dívida ainda existe. E o presidente Mário Bittencourt vem tendo que conviver com esse problema desde que assumiu o comando do clube.

Elenco do Fluminense recebeu reforço de caixa (Foto: Divulgação)

As parcelas de maio e junho dos direitos de imagem do elenco continuam em aberto. Tirando as partes que foram parceladas até o fim do ano por conta da pandemia, como 50% restantes do salário de abril, o clube está em dia com suas obrigações CLT.

Salário de julho vence na próxima semana

Apesar de estar satisfeito com o pagamento de parte das dívidas, Mário Bittencourt sabe que os problemas continuam. Na próxima semana, mais precisamente na sexta-feira dia 7, vence a folha salarial de julho. Dificilmente o clube vai conseguir pagar esta parcela.

Leia também:

Xerém deu frutos: o Top 10 das vendas mais caras do Fluminense
Michel Araújo: ‘Estou adaptado’

O Fluminense vem convivendo com muitas dificuldades financeiras que se intensificaram com a pandemia do Coronavírus. Existem dívidas de contratações antigas, de reforços que foram contratados e estão no plantel e o clube conseguiu suspender o pagamento do Ato Trabalhista por alguns meses.

Você Também pode gostar