Flamengo

Para Rodrigo Caio, Flamengo não aproveitou as oportunidades

Rodrigo Caio (Divulgação CRF)

O Flamengo estreou no Campeonato Brasileiro com derrota para o Atlético Mineiro, neste domingo. Com um gol contra de Filipe Luís no primeiro tempo, o Galo bateu o Rubro-Negro por 1 a 0, no Maracanã.

Rodrigo Caio (Divulgação CRF)

Com uma marcação intensa na saída de bola do Fla, o Atlético dificultou muito o jogo da equipe de Domènec Torrent. Apesar da intensa movimentação dos mineiros, o Flamengo foi quem mais finalizou em gol, especialmente no primeiro tempo. Com Bruno Henrique e Arrascaeta, o Rubro-Negro teve ao menos duas chances claras de marcar, mas desperdiçou.

Na saída do gramado, o zagueiro Rodrigo Caio apontou os gols perdidos como principal fator no resultado.

– Acredito que tivemos grandes oportunidades no primeiro tempo e não concluímos bem. Acho que essa foi a tônica do jogo – afirmou o camisa três.

– No primeiro tempo, tivemos quatro ou cinco oportunidades em roubadas perto da área. No segundo, eles adiantaram bem a marcação, não conseguimos sair – completou.

Leia também:

Filipe Luís marca contra e Flamengo perde do Galo no Maracanã

Rafinha destaca falta de ritmo e prevê melhora no Flamengo

Rodrigo Caio minimizou o resultado e disse que a equipe não pode se abalar. Na quarta-feira, em Goiânia, o Fla já estará em campo novamente pela segunda rodada do Brasileiro.

– Eles aproveitaram a oportunidade que tiveram e fizeram o gol. Esse foi o jogo, mas precisamos levantar a cabeça, não temos tempo para reclamar – finalizou.

Os números do jogo apontam o maior volume de jogo do Flamengo, que teve 63% de posse de bola. Em escanteios, foram 9 para o Fla contra 2 do Galo, e em chances claras de gol, 4 a 1 para a equipe carioca. O Atlético, entretanto, superou o Flamengo em número de faltas cometidas, 24 contra 12.

Você Também pode gostar