Publicidade

O Flamengo sofreu uma derrota inesperada neste domingo para o Grêmio. Após duas vitórias e o placar agregado de 6 a 0 contra o Tricolor Gaúcho pela Copa do Brasil, o Rubro-Negro perdeu por 1 a 0. A derrota pela 21ª rodada do Brasileirão veio antes do duelo pela semifinal da Libertadores, mas para Renato Gaúcho, isso não preocupa.

A atuação da equipe rubro-negra deixou a desejar no Maracanã, com baixa produção ofensiva. Ainda sem nomes importantes como Arrascaeta, Diego Ribas e Filipe Luís, o time não conseguiu furar o bloqueio gremista. Renato, entretanto, minimizou o resultado e a preocupação em sua coletiva.

Renato tentou mexer na equipe mas nada deu certo contra o Grêmio (Foto: Marcelo Cortes/Flamengo)

– Nem um pouco. A preocupação que a gente vive a cada jogo, jogando bem ou jogando mal. Lógico que a gente quer jogar sempre bem e o mais importante é ganhar. Então hoje nós enfrentamos uma grande equipe, que deram a vida contra o Flamengo. E quarta-feira, pela Libertadores, o Barcelona vai dar a vida também. O meu grupo está preparado para isso. Agora, o Flamengo não tem uma equipe que é imbatível, que vai jogar todos os jogos bem. Dezessete jogos, um empate e duas derrotas é um aproveitamento muito grande. Jogamos para ganhar todos os jogos, mas não vamos ganhar todos – afirmou o treinador.

Leia Também:

Publicidade

Flamengo cai na armadilha do Grêmio e leva o ‘troco’ no Brasileirão

A briga promete! As forças e fraquezas de Atlético-MG, Flamengo e Palmeiras na corrida pelos títulos

Nesta quarta-feira, no Maracanã, o Flamengo inicia a disputa por uma vaga na final da Libertadores contra o Barcelona, de Guayaquil. Renato, contudo, descarta que o desempenho contra o Grêmio sofreu influência do confronto decisivo.

Publicidade

– Um dos temas da preleção foi esse. Eu falei para ninguém se preocupar e pensar no jogo de quarta-feira, que é muito importante pra gente, como era importante hoje. Só que hoje era Campeonato Brasileiro, quarta-feira vai ser Libertadores e daqui a pouco tem Copa do Brasil de novo. Falei para os jogadores: vocês são culpados, ainda bem, porque o Flamengo disputa três competições de alto nível porque ganha tudo. E esse é o preço que se paga. A cada três dias nós temos uma decisão, muitas vezes contra um adversário que joga uma vez por semana enquanto o Flamengo se desgasta. Mas faz parte, trabalhar num clube grande é o que dá. E nós estamos felizes por isso, porque estamos brigando por três competições – disse Renato.

Relacionadas

Diego Alves Flamengo

Comentários