Publicidade

O Flamengo enfrentou o Coritiba na semana passada pelo jogo de ida da Copa do Brasil. Na capital paranaense, o Rubro-Negro, embora muito superior em campo, venceu apenas por 1 a 0. Assim, o jogo da volta, nesta quarta no Maracanã, pode ser considerado um duelo perigoso para o Flamengo.

Qualquer deslize pode deixar o Mais Querido exposto a uma decisão por pênaltis. Em entrevista nesta segunda-feira na FlaTV, o zagueiro Rodrigo Caio pediu muita atenção da equipe.

Rodrigo Caio (Foto: Alexandre Vidal/Flamengo)

– Acredito que será um jogo muito difícil. Vencemos por um resultado de 1 a 0, então é um jogo totalmente aberto, onde a gente precisa ter muita atenção. Tenho certeza de que o Coritiba vai vir com toda a sua força para que eles possam alcançar o objetivo deles – afirmou o camisa 3.

Publicidade

– Mas estaremos preparados para que a gente possa fazer uma grande partida, mais uma com bastante competitividade e sólido lá atrás, para que a gente possa alcançar nosso objetivo que é se classificar – completou.

Rodrigo Caio fala da boa fase da defesa

A boa fase dentro de campo também foi alvo de comentários de Rodrigo Caio. O Flamengo está há 15 jogos sem perder e a quatro sem tomar gols. A presença do goleiro Diego Alves e do próprio Rodrigo Caio tem influência no desempenho em campo, mas o zagueiro prefere dividir os méritos com o coletivo.

Relacionadas

Gabigol Seleção Brasileira
Pedro Flamengo

– Mostra a força desse grupo e de todo trabalho que está sendo muito bem feito por toda comissão e jogadores. Muito feliz pelas partidas sem tomar gols, era algo que a gente vinha se cobrando muito. E uma coisa que eu sempre procuro pontuar, não é só mérito da defesa, mas de toda equipe. Para ficar sem tomar gols você precisa de um time solidário, que se compromete – disse Rodrigo Caio.

Publicidade

Para enfrentar o Coritiba, o Flamengo deve ter a mesma equipe que iniciou a partida do último domingo contra o América-MG, pelo Brasileirão. Os jogadores servindo as seleções na Copa América, Gabigol, Everton Ribeiro, Arrascaeta e Isla, seguem de fora. Além disso, com Covid, o atacante Pedro e o técnico Rogério Ceni também estarão ausentes do confronto que vale uma vaga nas oitavas da Copa do Brasil.

Comentários