Publicidade

Desfalcado, o Flamengo sofreu com uma atuação irregular e empatou com Ceará: 1 a 1, neste domingo, no Castelão, em Fortaleza, pela 17ª rodada do Campeonato Brasileiro. Sem brilho, o clube carioca precisou suar para chegar à igualdade.

O técnico Renato Gaúcho não pôde contar com cinco jogadores do time considerado titular. Rodrigo Caio passa por reequilíbrio muscular, enquanto Isla faz fortalecimento após dores na coxa direita. Arrascaeta foi preservado por apresentar fadiga muscular. Já Willian Arão e Bruno Henrique cumpriram suspensão automática.

Vitinho Ceará x Flamengo Melhor em campo, Vitinho salvou o Flamengo | Foto: Alexandre Vidal / Flamengo / Divulgação

Os desfalques pesaram, mas o Flamengo teve uma tarde tecnicamente ruim. Nomes que deveriam chamar a responsabilidade e comandar o time, Everton Ribeiro e Gabigol decepcionaram.

Publicidade

Com o empate, o Flamengo agora tem 28 pontos e está na quarta colocação, mesmo com dois jogos adiados. O Bragantino, que enfrenta o América-MG, nesta segunda-feira, pode passar o clube carioca. Já o Ceará tem 24 pontos e está em oitavo lugar.

Relacionadas

Na próxima rodada, o Flamengo visita o Santos, neste sábado, às 19h (de Brasília), na Vila Belmiro. Antes, inicia as quartas de final da Copa do Brasil. Nesta quarta-feira, o Fla enfrenta o Grêmio, às 21h30 (de Brasília), na Arena do Grêmio, pelo jogo de ida. Já o Ceará volta a campo pelo Brasileiro no domingo, contra o América-MG, em Belo Horizonte.

Sem brilho, Flamengo sua para empatar com Ceará

O Flamengo tinha a posse de bola, mas encontrava dificuldade em criar. A primeira chance, então, foi do Ceará. Após cruzamento da esquerda, Cléber cabeceou, a bola desviou em Léo Pereira e foi para fora.

Publicidade

O Ceará soube conter o clube carioca e deu o bote. Fernando Sobral lançou Vina, que chutou na saída de Diego Alves: 1 a 0, aos 31 minutos. A chance do empate caiu nos pés de Gabigol, mas ele tirou muito do gol e mandou para fora, na primeira oportunidade mais clara do Flamengo, aos 37 minutos. O Rubro-Negro até pressionou e passou a ter volume. Entretanto, foi para o intervalo perdendo.

Michael Ceará x Flamengo Michael foi novamente titular | Foto: Alexandre Vidal / Flamengo / Divulgação

O Flamengo levou um susto logo no começo do segundo tempo. Após escanteio, Diego tentou cortar, mas mandou para trás. Diego Alves evitou o “fogo amigo”. O clube carioca respondeu. Vitinho recebeu de Filipe Luís e bateu com força no canto: 1 a 1, aos seis minutos.

Diego Alves precisou trabalhar de novo. A zaga rubro-negra falhou e não cortou. Luiz Otávio bateu no canto e o goleiro defendeu. O Flamengo voltou a errar. Gomes entrou a bola de presente e armou o contra-ataque rival. Rick bateu e Léo Pereira, quase que em cima da linha, salvou.

Publicidade

O Flamengo teve a chance para virar. Gabigol achou Michael. Ele ficou cara a cara com Richard, mas a finalização parou no goleiro. Renato demorou a mudar e, quando fez, aos 37 minutos, trocou quatro de uma vez. Ele lançou Gustavo Henrique, Max, Lázaro e Pedro. Saíram Everton Ribeiro, Diego, Michael e Gabigol. Não foi o suficiente para chegar à virada.

FICHA TÉCNICA

CEARÁ 1X1 FLAMENGO

Local: Castelão, Fortaleza (CE)
Data: 22/08/2021, domingo
Horário: 16h (de Brasília)
Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (RS)
Assistentes: Jorge Eduardo Bernardi (RS) e Jose Eduardo Calza (RS)
VAR: Daniel Nobre Bins (RS)
Cartão amarelo: João Gomes e Diego (Flamengo)
Cartão vermelho:
Gols:
Ceará: Vina, aos 31′ do 1ºT
Flamengo: Vitinho, aos 6′ do 2ºT

Publicidade

CEARÁ: Richard; Fabinho, Messias, Luiz Otávio e Bruno Pacheco; William Oliveira (Pedro Naressi), Fernando Sobral, Lima (Jorginho), Vina (Mendonza) e Rick (Erick); Cléber (Jael). Técnico: Guto Ferreira.

FLAMENGO: Diego Alves; Matheuzinho, Bruno Viana, Léo Pereira (Rodinei) e Filipe Luís; João Gomes, Diego (Max), Everton Ribeiro (Gustavo Henrique) e Vitinho; Michael (Lázaro) e Gabigol (Pedro). Técnico: Renato Gaúcho.

Comentários