Publicidade

O técnico Rogério Ceni vem sendo questionado pela opção pelos medalhões e deixar a base do Flamengo de lado. Seu antecessor, obrigado pelos desfalques da Covid, utilizou muitos jovens do Sub-20, que ganharam projeção. Ao iniciar seu trabalho, Ceni, entretanto, não tem utilizado tanto esses atletas.

Rodrigo Muniz (Divulgação CRF)

Os zagueiros Natan e Gabriel Noga, o goleiro Hugo Souza, e o lateral Ramon perderam espaço com o novo treinador. Ceni, contudo, rebate, e usa Rodrigo Muniz como exemplo. O centroavante de 19 anos substituiu Pedro aos 36 do segundo tempo contra o Botafogo, no último sábado.

– Quero deixar claro que eu subi na base de um clube, onde cresci e joguei minha carreira toda. Então sei o valor que tem cada jogador de categoria de base, e gosto muito de trabalhar com jovens sempre – afirmou Rogério Ceni.

Publicidade

– O Muniz posso citar como exemplo positivo de um jogador da base. Estava no Coritiba e foi um pedido nosso pra que ele voltasse pra cá. Teve seus momentos dentro de campo. Lembrando que temos um centroavante que estava na Seleção Brasileira, que é o Pedro, outro que já esteve, que é o Gabriel, e usamos um jogador de categoria de base nessa posição – completou.

Em seu último trabalho, no Fortaleza, Ceni vinha utilizando com frequência o atacante Yuri César. O jovem da base do Flamengo foi emprestado pelo Rubro-Negro ao time cearense e virou destaque e deve retornar em 2021.

Leia também:

Publicidade

Aliviado com vitória, Ceni projeta luta pelo título

Flamengo vence o Botafogo com gol de Everton Ribeiro

Ceni usará base no momento certo

Rogério Ceni garantiu que observa atentamente os jovens do elenco, mas que vai utilizá-los no momento certo.

Publicidade

– Especificamente sobre o Ramon, ele tem boa concorrência com um jogador que gosto muito que é o Filipe, temos o Renê também pra essa posição. E o Natan é um jogador que observo todos os dias, vem crescendo. Eu acompanho todos os dias os treinamentos e dou o máximo de atenção pra eles. No momento que estiverem prontos, vão ser usados, porque eu sei como funciona o Flamengo e dessa tradição com os jogadores de base. Eles estando no momento correto, pretendo utilizá-los – concluiu.