Botafogo

Guilherme Santos e Matheus Babi encorpam elenco do Botafogo

Matheus Babi comemora o gol do Botafogo (Foto: Youtube)

Aos poucos o Botafogo vem trabalhando para ter um plantel competitivo. Mas nos últimos jogos o técnico Paulo Autuori percebeu que dois jogadores não considerados titulares encorparam o grupo, aumentando a briga pela titularidade e dando opções. São eles o lateral-esquerdo Guilherme Santos e o atacante Matheus Babi. Os dois foram os protagonistas no empate por 1 a 1 com o Bragantino na noite de quarta-feira pela estreia no Campeonato Brasileiro.

Matheus Babi comemora o gol do Botafogo com Caio Alexandre e Bruno Nazário (Foto: Youtube)

Guilherme Santos entrou no decorrer do jogo e mudou a forma de jogar do time, aumentando a velocidade. Fez a jogada do gol de Matheus Babi, que só esteve em campo porque Pedro Raul, considerado titular, sequer viajou com a delegação por ter testado positivo para o Coronavírus.

Leia também:

Há 32 anos o Botafogo era campeão em cima do Barcelona
Bruno Nazário valoriza empate com o Bragantino

Matheus Babi foi contratado após ser o destaque do Macaé no Campeonato Carioca, ficando entre os artilheiros. No último amistoso de preparação para o Campeonato Brasileiro entrou no segundo tempo e fez o gol no empate por 1 a 1 com o Fluminense.

– Já é um jogador que confiamos muito e que chegou com grandes referências. Está cumprindo isso. Fez um partidaçõ contra o Bragantino. Mas acabou cansando no fim justamente por causa disso – disse Paulo Autuori.

Guilherme Santos quase foi dispensado

Lateral, Guilherme Santos virou opção no meio do Botafogo (Foto: Youtube)

Guilherme Santos chegou a integrar uma possível barca de meio de ano quando Victor Luís foi contratado. O reforço que veio do Palmeiras é considerado titular absoluto e Danilo Barcelos é tido como seu reserva imediato. Não haveria espaço em um elenco limitado para três laterais-esquerdos. Mas Guilherme Santos foi testado contra o Fluminense no meio-de-campo, posição que já jogou. Impressionou pela velocidade, capacidade de driblar e de dar passes.

– O Guilherme já jogou no meio e é um jogador moderno. Precisamos sempre de atletas que joguem em mais de uma posição, pois o Campeonato Brasileiro é longo e pede isso. Assim ele pode nos ajudar – disse Autuori, mostrando que conta com o jogador.

Guilherme Santos e Matheus Babi se tornaram duas opções capazes de ajudar o Botafogo a deixar de ser apenas um bom time e virar um bom elenco. O longo e desgastante Campeonato Brasileiro e a sequência da Copa do Brasil pedem isso.

Você Também pode gostar