Publicidade

A vitória sobre o Confiança, nesta quarta-feira, no Estádio Nilton Santos, aproximou o Botafogo ainda mais do acesso. O clube carioca encontrou dificuldade, mas conseguiu superar o rival que está na zona de rebaixamento da Série B.

Sem seu principal homem de criação, o meia Chay, o Alvinegro teve muitas dificuldades na armação das jogadas no primeiro tempo. Mas a equipe soube manter a organização e ter paciência para se encontrar, o que só aconteceu na segunda etapa.

Enderson Moreira Botafogo Enderson e o Botafogo estão perto do acesso | Foto: Vitor Silva / Botafogo / Divulgação

Além disso, o técnico Enderson Moreira fez elogios ao adversário.

Relacionadas

Chay Botafogo

Publicidade

– Temos que valorizar muito também a atuação do Confiança. Eles estão na parte de baixo da tabela, mas é um dos times que mais pontuou nas últimas rodadas. Temos que enaltecer a organização da equipe, uma equipe madura, fazendo com o que o jogo ficasse cada vez mais difícil para a gente – afirmou o treinador após a partida no Engenhão.

MAIS! Especialista faz alerta para o projeto clube-empresa do Botafogo

– O ponto positivo foi que conseguimos manter a organização e ter paciência para buscar o resultado e sem oferecer tantos contra-ataques ao adversário – completou.

Botafogo agora tem clássico pela frente

Publicidade

Enderson falou sobre as dificuldades da equipe nos primeiros 45 minutos, quando os sergipanos até ameaçaram mais. Com as entradas de Warley, Diego Gonçalves e Luís Oyama no início do segundo tempo, o time ganhou em força e velocidade.

MAIS! Joia da base do Botafogo entra na mira da Bolívia

– No primeiro tempo, apesar de estarmos com a posse de bola, estávamos com uma certa lentidão na troca de passes e precisávamos acelerar um pouco mais. Com as substituições houve um crescimento em ansiedade e força, com jogadores que têm esse perfil. Conseguimos fazer o gol e criar oportunidades – analisou o treinador.

Publicidade

Vice-líder da Série B, o Botafogo tem pela frente o clássico diante do Vasco no próximo domingo, em São Januário. Enquanto o Alvinegro está muito perto do acesso, o Cruzmaltino corre sério risco de permanecer na Segunda Divisão.

Comentários