Futebol Brasileiro, Vasco

Vasco vai adotar tática de pizzaria para evitar desgaste físico. Entenda!

Marcelo Cabo (Foto: Rafael Ribeiro/Vasco)

A temporada de 2021 promete ser uma das mais desgastantes. Justamente porque a pandemia, que forçou a paralisação de jogos em 2020, fez com que as férias dos jogadores e a pré-temporada ficassem prejudicadas. Assim o Vasco já dá sinais de desgaste. O técnico Marcelo Cabo então será obrigado a adotar o rodízio.

A temporada é desgastante, mas sempre há uma solução. Marcelo Cabo vai adotar o rodízio (Foto: Rafael Ribeiro/ Vasco)

Em termos de resultados o ano de 2021 começa para o Vasco ainda pior do que o anterior. Incluindo a reta final do Campeonato Brasileiro e o início do Carioca, são apenas três vitórias em 17 jogos. No Estadual, o Cruzmaltino é o vice-lanterna com dois empates e duas derrotas em quatro rodadas.

Mais: Vasco quer a bola rolando e é contra a paralisação do Carioca

Uma das dificuldades enfrentadas pelo técnico Marcelo Cabo neste início de temporada é a questão física do elenco. O principal jogador da equipe, o atacante Germán Cano, ainda não está 100% após se recuperar de uma lesão muscular na coxa. O próprio atacante pediu à comissão técnica para treinar mais, se preparar, para evitar qualquer tipo de lesão.

Germán Cano

Mais: Confira os detalhes do classico contra o Botafogo

– O Germán Cano não joga contra o Macaé. Existe uma programação para ele. A gente teve que interromper um pouquinho essa programação pelo jogo de quinta-feira, porque era um jogo único, de mata-mata. Então o Germán Cano foi para que pudesse nos ajudar naqueles 15, 20 minutos. E agora seguimos a programação dele para que depois do jogo do Macaé façamos uma nova avaliação para que ele possa retornar contra o Madureira ou contra o Fluminense – afirmou Marcelo Cabo à Vasco TV.

Cano Vasco

Dentro do rodízio, Cano não enfrenta o Macaé | Foto: Rafael Ribeiro / Vasco / Divulgação

– A mesma situação ocorre com outros jogadores. No final do jogo o Ernando embolou, o Ricardo já não conseguia mais ir na área, porque não tivemos pré-temporada. Então, amanhã, vamos fazer uma análise do grupo. Pode ser que a gente preserve alguns jogadores para o jogo com o Macaé. Para que a gente possa rodar esse grupo e abrir semanas para alguns jogadores – previu o treinador após o clássico deste domingo.

Marcelo Cabo lamentou a falta de uma pré-temporada para a equipe, que disputa também a Copa do Brasil.

– Temos que trabalhar muito. Mas, infelizmente, não temos tempo de trabalhar muito. Jogamos hoje, vamos jogar na quarta-feira com o Macaé, sábado com o Madureira e terça-feira com o Fluminense. Infelizmente, temos que fazer uma pré-temporada jogando. Então só temos o tempo de recuperar os jogadores e corrigir em vídeo, com poucas ações de treinamento. Mas precisamos construir uma equipe vencedora mesmo tendo essas adversidades de início de temporada – concluiu.

Você Também pode gostar