Publicidade

A diretoria do Vasco corre contra o tempo para anunciar um novo técnico o mais rápido possível. Desde que Lisca pediu demissão nesta quarta-feira, o diretor executivo Alexandre Pássaro tenta contratar um novo comandante. Com muitos nomes livres no mercado, há a expectativa de novidades ainda esta semana.

Uma lista de nomes já circula pelos bastidores, mas, a princípio, o ex-treinador do Ceará, Guto Ferreira seria a primeira opção da diretoria. Com experiências de sucesso na Série B com Ponte Preta e Bahia, levando ambos ao acesso em 2014 e 2016, é visto como ideal. Além disso, o treinador de 56 anos teria salário dentro da realidade financeira do clube.

Galeria de Fotos

Todavia, após um ano e meio de trabalho no Ceará, onde foi Campeão da Copa do Nordeste em 2020, sua intenção era ter um período de descanso. Assim, se as conversas não evoluírem, Pássaro terá de expandir a busca.

Leia Também:

Publicidade

Se o Vasco é uma coisa, Cano é outra bem diferente

Será? Bruno Gomes segue com chance de sair

Confira outros treinadores livres no mercado e que são ventilados em São Januário:

Publicidade

Fernando Diniz – Agrada a alguns setores, mas tem salário acima do teto e vem de insucessos no Fluminense, São Paulo e Santos. Na Série B, em duas ocasiões, em 2015 e 2016, também fracassou.

Valdir Bigode – Ex-atacante revelado na base do Vasco e com história no clube, mas que nunca teve oportunidade em time grande como treinador. Foi por quatro anos, entre 2014 e 2018, auxiliar permanente da comissão técnica cruzmaltina.

Hélio dos Anjos – Treinou o Náutico em seu início arrasador na Série B de 2021, mas sua demissão veio após uma sequência de resultados negativos. Com extenso currículo, o ex-goleiro de 63 anos é fez história no futebol pernambucano e no Goiás, onde foi campeão da segunda divisão em 1999.

Publicidade

Jair Ventura – Com apenas 42 anos, iniciou a carreira em 2016 no Botafogo e se destacou, recebendo o prêmio de técnico revelação do Campeonato Brasileiro. Entretanto, não conseguiu repetir o sucesso nos trabalhos seguintes em Santos, Corinthians e Sport. Este ano, comandou a Chapecoense, mas deixou o clube após 15 partidas sem vitória na Série A.

Dorival Jr. – Nome sempre lembrado quando o Vasco procura um treinador. Teve passagem de sucesso ao conquistar a Série B de 2009 no Cruzmaltino, onde também trabalhou em 2013. Está sem clube desde que deixou o Athletico-PR, em 2020.

Relacionadas

Meme demissão de Lisca
Lisca Vasco

Com 32 pontos em 23 rodadas, o Vasco ocupa a nona colocação na tabela. Assim, com apenas 15 rodadas restantes, o novo treinador terá a árdua missão de buscar o acesso à Série A. O Cruzmaltino, entretanto, só entra em campo daqui a uma semana e a diretoria tem alguns dias para contratar o substituto de Lisca.

Comentários